Menu
Busca terça, 07 de abril de 2020
(67) 9860-3221
FRONTEIRA

Briga em jogo de sinuca termina com mecânico executado a tiros

30 outubro 2017 - 08h46Por Da Redação

Um homem de 31 anos foi morto após uma discussão por causa de um jogo de sinuca, na noite do domingo, dia 29 de outubro, em Ponta Porã, cidade localizada na fronteira  com o Paraguai.

De acordo com o jornal Porã News, o autor teria ‘abraçado’ a vítima, imobilizando-a, e feito vários disparos de pistola contra a cabeça dela.

Conforme o jornal local, a briga aconteceu em um bar da cidade e a vítima foi identificada como Hélio de Souza Canteiro, que era mecânico. O assassinato ocorreu quando Canteiro jogava sinuca com o suspeito, que teria perdido a partida e ficado irritado.

O autor utilizou uma pistola calibre 380 para cometer o homicídio e fugiu do local. Pelo menos sete tiros foram disparados. O suspeito seria conhecido por ‘dar problemas’ na cidade.

A Polícia Civil investiga o crime.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Autônomo pode baixar aplicativo para renda de R$ 600 a partir de hoje
DOURADOS
Homem é assassinado a tiros no Parque das Nações I
TEMPO
Terça-feira nublada com chuva a qualquer hora do dia em Dourados
SÃO PAULO
Sul-mato-grossense leva 12 facadas e crime é transmitido ao vivo
JUDICIÁRIO
STF: acordos de redução de salários devem passar por sindicatos
CAPITAL
Polícia localiza pai que fez ‘zerinho’ com filho no para-lama de moto
ÁGUA CLARA
Ex-prefeito é condenado a devolver R$ 430 mil por contratos sem licitação
EDUCAÇÃO
Enem: começa prazo para solicitação de isenção de taxa
CAMPO GRANDE
Após se envolver em acidente, homem é agredido e tem carro roubado
IMUNIZAÇÃO
Saúde distribui 300 mil doses de vacinas contra influenza aos municípios

Mais Lidas

DOURADOS
Dois homens são executados por dupla de moto no Jardim Carisma
FLEXIBILIZAÇÃO
Com restrições, comércio volta a funcionar amanhã em Dourados
COVID-19
Estado tem mais três confirmações do novo coronavírus em 24 horas, todas no interior
DOURADOS
Polícia apura que filho matou pai a pauladas após agredir a mãe grávida