Menu
Busca domingo, 19 de setembro de 2021
(67) 99257-3397

Brasileiro acusado de feminicídio é deportado do Paraguai

27 julho 2021 - 21h35Por Da Redação

O brasileiro Adriano Rocha Guimarães, de 37 anos, preso em 21 de julho do ano passado, durante uma ação policial realizada em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia que faz fronteira com Ponta Porã, em Mato Grosso do Sul, foi expulso do país vizinho e entregue à Polícia Federal brasileira. Ele tinha um total de 11 autos e quatro mandados de prisão pendentes, incluindo um por feminicídio, pelo assassinato da esposa, Stefanie Silverio Teixeira, de 22 anos.

Adriano é natural da cidade de Jateí, em Mato Grosso do Sul, onde em maio do ano passado teria disparado contra a mulher. Após o ocorrido, o próprio agressor ligou para o padrasto da vítima e disse que a mulher havia tentado se matar. O padrasto da mulher chegou em casa no momento em que o acusado saia de carro.

A expulsão ocorreu às 10 horas desta terça-feira, dia 27 de julho, no Posto de Controle de Imigração de Pedro Juan Caballero, com a presença das autoridades dos dois países. Adriano foi entregue à Polícia Federal conforme determinou o desembargador Juan Martín Areco Torraca.

Ainda em Mato Grosso do Sul, logo após o crime, a polícia brasileira também informou que Adriano era procurado por tráfico de drogas, porte ilegal de armas e assalto. O brasileiro possui, ao todo, 11 antecedentes criminais, todos cometidos no Brasil, por atos, que vão desde lesões graves à promoção e financiamento do crime organizado.

Segundo informações da polícia paraguaia, atualmente, Adriano não pertence a nenhuma organização criminosa e entrou ilegalmente no País logo após o crime cometido contra a esposa. O bandido se instalou na área de Pedro Juan Caballero, onde tentou entrar no mundo do narcotráfico e do contrabando, mas acabou sendo excluído.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Instabilidade no E-SUS impede atualização de dados da Covid-19 do município
EMPREGO
Concurso da Caixa Econômica tem vagas para MS e salário de R$3 mil
Morre aos 87 anos o ator Luis Gustavo
BRASIL
Morre aos 87 anos o ator Luis Gustavo
BRASIL
Falha em subestação de Rio das Ostras causou apagão no RJ e MG
PANDEMIA
Pesquisa aponta que 90% consideram importante exigir vacina contra Covid-19 na volta aos escritórios
POLÍCIA
Foragido no Brasil e Paraguai é preso pela Polícia Civil do MS
BLITZ EDUCATIVA
Agepan orienta e auxilia empresas para o fortalecimento do transporte intermunicipal em MS
COVID-19
Idosos de 89 a 84 anos recebem dose de reforço nesta semana no Rio
TST
Carteiro dependente químico dispensado por justa causa será reintegrado no emprego
ENTREVISTA
Brasil em Pauta discute os desafios da crise hídrica no país

Mais Lidas

DOURADOS
Morto durante o trabalho em fazenda tinha 26 anos
ACIDENTE DE TRABALHO
Maquinário cai e mata trabalhador em fazenda entre Dourados e Itahum
'AMIGÃO'
Bêbado bate carro e deixa amigo ferido em canteiro
REGIÃO
Casal precisa ser socorrido após carro quase ser "engolido" pela chuva