Menu
Busca quinta, 16 de julho de 2020
(67) 99659-5905
CAMPO GRANDE

Após 4 horas, suspeito de roubar caminhonete é preso em matagal

28 janeiro 2020 - 22h05Por Da Redação

O suspeito de roubar uma caminhonete VW/Amarok, fugir da polícia e causar um acidente na tarde desta terça-feira, dia 28 de janeiro, foi capturado após 4 horas de buscas em região de mata do Jardim Veraneio, em Campo Grande.

Crime aconteceu no estacionamento da loja Havan, no bairro Coronel Antonino. A polícia foi avisada do roubo e perseguiu o ladrão por cerca de seis quilômetros – até o cruzamento da Rua Rio Doce esquina com a Avenida Carlinda Pereira Contar. Nesse ponto, o suspeito perdeu o controle da direção, tombou a caminhonete e continuou a fuga a pé.

Ele chegou a invadir algumas casas, até conseguir se esconder em um matagal. Equipes do Batalhão de Choque da Polícia Militar e do Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais) foram chamados para ajudar nas buscas pela região. O Grupo de Policiamento Aéreo fez rondas de helicóptero pelo bairro e um drone também foi usado pelos policiais.

Após 4 horas, ele foi encontrado. O nome do homem ainda não foi divulgado e aparentemente ele não estava ferido.

O roubo

Enquanto o suspeito era caçado no Jardim Veraneio, o dono da Amarok prestava depoimento sobre o crime na Defurv (Delegacia Especializada de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos). Pecuarista, de 64 anos, contou que foi abordado pelo assaltante dentro do estacionamento da Havan.

Em entrevista ao site Campo Grande News, o idoso contou que percebeu a aproximação do suspeito, mas pensou que ele era um andarilho. “Ele estava sozinho e com a roupa suja”, lembrou.

A vítima chegou a pensar em pegar dinheiro que tinha dentro da caminhonete para entregar ao homem e já estava com parte do corpo dentro do veículo quando foi realmente abordado. Com uma pistola nas mãos, o “andarilho” anunciou o assalto e tentou forçar o pecuarista a entrar na Amarok, como não conseguiu, deixou o local sozinho.

“Ele falou três vezes para entrar no carro. Neguei. Aí ele desistiu, mas mandou deixar a carteiro e o celular”, lembrou o pecuarista, que carregava cerca de R$ 600. Após deixar o estacionamento, o assaltante parou na Avenida Cônsul Assaf Trad para esperar o semáforo abrir e um funcionário da loja, que percebeu o crime, resolveu seguir o veículo.

Ele passou todas as orientações a polícia, que assim que encontrou a caminhonete iniciou a perseguição até o Jardim Veraneio, onde foi feita a prisão.

“Costumo andar sempre com meus filhos de 10 e 6 anos, por sorte desta vez não estava com eles. Na hora fiquei meio nervoso, cheguei a cogitar tirar a arma dele, mas não via ninguém pra ajudar”, relatou o pecuarista. Segundo ele, é a primeira vez que é assaltado e a caminhonete é nova, com apenas 29 quilômetros rodados.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Adolescente morre após acidente entre moto e caminhão
POLÍCIA
Veículo e objetos furtados no Jardim Paulista são recuperados
BRASIL
Paulo Guedes testa negativo para covid-19, informa ministério
DOURADOS
Acidente deixa motociclista ferido no Jardim Clímax
AGRONEGÓCIO
Mato Grosso do Sul começa colheita do milho com projeção de 72 sacas por hectare
TRÁFICO
Homem é preso com droga que seria entregue em Dourados
PANDEMIA
Casos confirmados de coronavírus passam de 15,3 mil e MS soma mais oito mortes
PANDEMIA
Sem mortes há três dias, Dourados confirma 120 casos de Covid-19 em 24h
CAMPO GRANDE
Motorista morre após ser atingido por carro e bater cabeça em meio-fio
JARAGUARI
Fazendeiro é multado em mais de R$ 20 mil por incêndio e exploração ilegal de madeira

Mais Lidas

DOURADOS
Criança baleada por atirador em noite sangrenta morre no hospital
PANDEMIA
Prefeita de Dourados, Délia Razuk testa positivo para coronavírus
INFORME PUBLICITÁRIO
Chama reinaugura supermercado em novo endereço com novidades e promoções
DINHEIRO PÚBLICO
Gaeco faz operação em Dourados e vai à casa de ex-secretária de Saúde