Menu
Busca terça, 18 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Zeca vai assistir o desfile de Campo Grande

07 setembro 2004 - 07h52

O governador Zeca do PT assiste hoje, juntamente com o comandante do CMO (Comando Militar do Oeste), general-de-divisão Carlos Alberto Pinto Silva, ao desfile cívico-militar em homenagem ao dia da Independência, em Campo Grande. Como nos anos anteriores, a parada acontece ao longo da rua 14 de Julho (entre rua Maracaju e rua 7 de Setembro), e o palanque oficial está localizado no cruzamento com a avenida Afonso Pena. A previsão é de que o governador e o comandante do CMO cheguem às 8h45. Logo depois começa o desfile. O evento se inicia com o desfile civil - escolas e outras entidades. Em seguida desfilam os militares a pé e, finalizando, o desfile motorizado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRE/MS marca data e Sidrolândia elege novo prefeito em junho
SUPLEMENTAR
TRE/MS marca data e Sidrolândia elege novo prefeito em junho
Neno Razuk solicita recursos a Agraer para compra de equipamentos para produtores
BODOQUENA
Neno Razuk solicita recursos a Agraer para compra de equipamentos para produtores
Com arma de fogo, jovem rouba bar no Jardim Santo André
DOURADOS
Com arma de fogo, jovem rouba bar no Jardim Santo André
Conselho Tutelar alerta famílias sobre sinais que indicam abuso sexual
DOURADOS
Conselho Tutelar alerta famílias sobre sinais que indicam abuso sexual
TACURU
Operação Cupim investiga crime ligado a peculato
BATAGUASSU
Polícia Civil prende jovem foragido da justiça
PESQUISA
Pesquisador do MS ajuda a contar história de soldado da II Guerra
MS
Homem suspeito de atirar em adolescente é preso
DOURADOS
Jovem é detido por porte de droga e resistência
DOURADOS
Deputado expõe falta de política pública para atender comunidade indígena

Mais Lidas

POLÍCIA
'Apaixonado', rapaz furta objetos na PED para ser preso e reencontrar marido
CLIMA
Frio mais intenso do ano é previsto para esta semana em Dourados
REGIÃO
Mulher mata o marido a facadas após discussão em MS
FEMINICÍDIO
Mulher é encontrada morta com golpe de faca no pescoço na região do João Paulo II