Menu
Busca segunda, 29 de novembro de 2021
Dourados
28°max
20°min
Campo Grande
30°max
23°min
Três Lagoas
33°max
23°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

Zeca e Lula empossam em outubro conselho do pólo Gasquímico

15 setembro 2003 - 11h51

O governador Zeca do PT e o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, empossam em Corumbá, no dia 11 de outubro (aniversário de 26 anos da criação do Estado), os membros do Conselho Pró-Implantação do Pólo Gasquímico Binacional no município. A criação da entidade que terá o papel de coordenar todas as ações voltadas para implantação do pólo, desde as questões relativas à infra-estrutura até as de meio ambiente, foi definida em uma reunião na manhã desta segunda-feira na Governadoria, entre Zeca do PT, o senador Delcídio do Amaral (PT), o membro dos conselhos nacional e estadual de Desenvolvimento Econômico e Social, José Carlos Bumlai, os secretários Paulo Duarte (Coordenação Geral de Governo) e Maurício Arruda (Infra-Estrutura e Habitação), o diretor-presidente da Companhia de Gás de Mato Grosso do Sul (MSGás), Luís Landes, e os consultores João Luiz Zuñeda e Douglas Abreu,da Maxi Quim Assessoria de Mercado. Segundo o governador Zeca do PT, terão assento no conselho um representante da Secretaria de Estado de Coordenação Geral do Governo, um da Secretaria de Estado de Receita e Controle, um da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, um da Secretaria de Estado de Infra-Estrutura e Habitação, um da MSGás, um da Petrobras e um da Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul (Fiems). “Vamos aproveitar a visita do presidente da República a Corumbá para o lançamento da obra de recuperação da BR-262 no trecho entre o município e Anastácio, para fazermos um grande ato que vai marcar a arrancada do desenvolvimento da cidade, incluindo a posse dos membros do Conselho de Implantação do Pólo Gasquímico e o lançamento da obra de construção do muro de contenção do Porto Geral, onde o governo do Estado vai investir R$ 2 milhões, e que vai viabilizar todo o restante do programa Monumenta de recuperação do casario histórico da cidade. Isso tudo somado à construção da termoelétrica [já definida com as empresas MPX Mineração e Energia e Tractebel Energia], à volta do Trem do Pantanal, a retomada de um vôo da Vasp para a cidade e a viabilização do outro pólo no município, o mínero-siderúrgico, vai ‘coroar’ todo o nosso trabalho no município e região”, analisou Zeca.O governador explicou que a criação do conselho, além de democratizar o trabalho em prol da implantação do pólo, também dará transparência a todo o processo. Ele disse ainda que, além de definir a criação da entidade, na reunião desta segunda-feira também foi acertado um cronograma de ações que será desenvolvido até o dia 11 de outubro, que prevê a busca por investidores interessados no projeto e a realização de reuniões já na próxima semana com o presidente da Petrobras, José Eduardo Dutra e com a ministra das Minas e Energia, Dilma Rousseff, para tratar do assunto.O senador Delcídio do Amaral comentou na reunião que esse é o momento exato para que o Estado invista na viabilização do projeto e lembrou que a decisão política e o trânsito fácil que o governador Zeca do PT tem em Brasília (DF) ,em razão de sua amizade pessoal com o presidente da República e de sua liderança política, são as grandes armas de Mato Grosso do Sul para viabilizar o pólo gasquímico binacional em Corumbá. “O senhor [governador Zeca] vai ditando o caminho, e nós da bancada vamos atrás” disse ele.Corroborando com o que disse o senador, o consultor Douglas Abreu disse que a Petrobras conduz um estudo, que deverá ficar pronto no fim do ano, de viabilidade técnica do pólo, o que , segundo ele, atesta o interesse da estatal em investir. Abreu reforça a tese de que o momento é muito favorável para o empreendimento. Entusiasmado com os depoimentos que ouviu, o governador Zeca do PT assegurou todo o seu empenho para viabilizar o projeto, ressalvando que trabalhará sempre de maneira coordenada junto com a bancada federal, o secretariado e o governo federal, e disse que a questão do pólo também entrará na pauta da reunião que terá com o governo boliviano no dia 15 de outubro em Corumbá, para discutir a pavimentação carretera Santa Cruz de La Sierra-La Paz que viabilizará a rota bioceânica.Vôo - Zeca aproveitou a reunião desta segunda-feira para convidar todos os presentes para participarem amanhã às 10 horas do encontro que terá com o diretor-presidente da Vasp, Vagner Canhedo, em São Paulo, para discutir a retomada de um vôo, pelo menos duas vezes por semana, Campo Grande-Corumbá, outra ação estratégica para o desenvolvimento do município de Corumbá e região.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PROJETO DE LEI
Comissão aprova projeto que obriga vistoria anual a Instituições de Longa Permanência para Idosos
Adolescente é apreendido com drogas em terminal rodoviário
REGIÃO
Adolescente é apreendido com drogas em terminal rodoviário
BRASIL
Anvisa aprova novo tratamento para HIV
Acidente envolvendo carreta e ciclista termina em morte na região de Dourados
TRAGÉDIA
Acidente envolvendo carreta e ciclista termina em morte na região de Dourados
REGIÃO
Embriagado, homem coloca fogo no sofá e agride esposa com socos
PANDEMIA
Central de Vacinação não aplicará D1 contra a Covid-19 em Dourados nesta terça-feira
BRASIL
Resultado do Enem será divulgado em 11 de fevereiro
NIOAQUE
Caminhoneiro fica preso às ferragens e morre após acidente na Serra de Maracaju 
REGIÃO
Homem tenta matar ex-marido de enteada e é preso
BONITO
Anta de mais de 200 kg atolada à margem de rio é resgatada

Mais Lidas

DOURADOS
Vítima diz que assaltante devolveu dinheiro roubado após oração
CHAPADÃO DO SUL
Motociclista morre e mulher fica gravemente ferida após colisão frontal na MS-306
DOURADOS
Homem invade residência da ex, agride jovens com garrafa e acaba preso
LOTERIAS
Sete apostas de Dourados faturam R$ 1,1 mil na quadra