Menu
Busca quarta, 20 de janeiro de 2021
(67) 99257-3397

Zeca do PT discute unificação dos programas sociais

23 setembro 2003 - 11h21

O governador Zeca do PT esteve reunido na tarde de ontem com a secretária de Estado de Trabalho, Assistência Social e Economia Solidária, Eloísa Castro Berro, para discutir o andamento dos projetos prioritários da pasta e tratar da unificação dos programas sociais. A secretária disse ao governador que amanhã estará em Brasília (DF) para discutir com representantes do governo federal como será desenvolvido o projeto que prevê a junção de todos os programas de inclusão social, sejam da União, dos estados e dos municípios em uma única iniciativa. Apesar de o projeto ser uma iniciativa do governo federal, foi o governador quem sugeriu ao presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, a fusão de todos os programas de inclusão social. Também foi a partir de uma conversa sua com Zeca que Lula decidiu adiar o lançamento da unificação dos programas que estava previsto para o dia 19 de setembro, a fim de discutir o assunto com os governadores e prefeitos em uma reunião dia 30 no Palácio do Planalto. Zeca reiterou que a proposta é de que seja criado o Cartão da Cidadania, que substituiria as ações sociais federais como vale-gás e bolsa-escola e as estaduais como os programas Bolsa-Escola e Segurança Alimentar, por um único beneficio no valor de R$ 150.“A família poderia ir até uma das lojas da rede de estabelecimentos conveniados, em sua própria cidade, e comprar ali mesmo alimentos, medicamentos, roupas. Isso movimentaria a economia local”, salientou. Além do governador e da secretária também participaram da reunião a presidente do Conselho de Gestão das Políticas Sociais (Cogeps), Gilda Maria Gomes dos Santos, a subsecretária de Apoio à Integração das Políticas de Prestação de Serviços ao Cidadão, Dorisney Lima, os subsecretários de Articulação da Gestão Governamental, José Carlos Gomes e de Representação de Mato Grosso do Sul no Distrito Federal, Raufi Marques, o diretor-presidente da Fundação de Trabalho, Ananias Costa e o superintendente do Procon, Itamar Chamorro.   

Deixe seu Comentário

Leia Também

Homem leva multa de R$ 10 mil por construção de rancho em área protegida
CRIME AMBIENTAL
Homem leva multa de R$ 10 mil por construção de rancho em área protegida
GOVERNO DO ESTADO
Mesmo com vacina, população deve seguir em alerta sobre a Covid-19
EDUCAÇÃO
Ministro dá posse a novos reitores de três universidades federais
NA CAPITAL
Prefeitura de Campo Grande corrige e toque de recolher volta às 22h
RENAVE
Registro Nacional de Veículos em Estoque é lançado em Mato Grosso do Sul
PANDEMIA
Brasil registra 1.340 mortes por Covid-19 em 24h
BONITO
Quase 400 quilos de maconha deixados em veículo são apreendidos
COTAÇÃO
Dólar cai para R$ 5,31 com otimismo por posse de Biden
REABILITAÇÃO
Onça que sofreu queimaduras em incêndio na Serra do Amolar será solta
REGIÃO
Adolescente de 16 anos tenta fugir da PRF em carro com meia tonelada de maconha

Mais Lidas

DOURADOS
Promotor vê preconceito em comentários contra vacina para índios e denuncia à PF
DOURADOS
Mulher é presa acusada de dar cobertura para assaltantes que rendiam família
DOURADOS
Em ação conjunta, polícia deflagra operação para investigar crimes
TRAGÉDIA
Casal morre após caminhonete colidir contra carreta na BR- 163