Menu
Busca terça, 18 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Vice-presidente defende mudanças na sistemática de juros

14 setembro 2004 - 09h39

O vice-presidente José Alencar defende mudanças na filosofia brasileira do regime de juros. Segundo ele, "o atual regime não atende ao elevado interesse nacional e não tem semelhança com qualquer outro em nenhuma parte". “O Copom (Comitê de Política Monetária) define a taxa básica Selic mensalmente porque tem uma decisão com base na política monetária. Política monetária, que pretende achatar o consumo para combater a inflação. Só que o Brasil é um país de subconsumo e não se pode achatar o consumo de quem não consome. É preciso que tenhamos uma política diferente de combate à inflação”, afirmou. Alencar destacou que "é preciso deixar o Brasil crescer a produção com o custo de capital mais econômico, como forma de facilitar a queda de preços, para que as atividades produtivas possam ser competitivas e vendam produtos cada vez a menores preços para a população. A decisão do Copom está embasada numa filosofia de política monetária que provavelmente o leve a mexer na taxa de juros para cima ou para baixo. Isso é natural. O que eu digo é que nós precisamos, brasileiros como um todo, nos conscientizarmos de que o Brasil precisa alterar esse regime de juros”. O vice-presidente considera ineficaz qualquer mudança na periodicidade das reuniões do Copom. “Acho que isso, de certa forma, é irrelevante porque se há pressão mensal passa a haver pressão bimensal. O importante é a filosofia contra o regime de juros. O próprio "Risco Brasil" advém dessas próprias taxas de juros. Eu digo que a gente precisa mudar o regime de juros do Brasil”, afirmou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

NÚMEROS DA PANDEMIA
Brasil se aproxima de 440 mil mortos por Covid, com média de 1.953 por dia
Casal de MS é preso por tráfico internacional com carregamento de crack
Casal de MS é preso por tráfico internacional com carregamento de crack
PRAZO
Depen prorroga inscrições de concurso com 1.177 vagas; salários de R$ 8,3 mil
Homem é preso acusado de violência doméstica e posse ilegal de arma 
DOURADOS
Homem é preso acusado de violência doméstica e posse ilegal de arma 
ECONOMIA
Detran/MS avança com serviços digitais e agora oferece pagamento com PIX
MORENINHAS
Identificado homem encontrado morto em córrego com as calças abaixadas
ARACELI
Operação prende 30 condenados por abuso sexual de crianças e adolescentes
ACADÊMICOS
Abertas inscrições para o 1º Concurso de Artigos Científicos do TJ/MS
PANDEMIA
Fila de espera por vaga de UTI-Covid volta a subir e chega a 35 em Dourados
PANDEMIA
Cronograma da vacinação contra Covid em Dourados depende de chegada das doses

Mais Lidas

POLÍCIA
'Apaixonado', rapaz furta objetos na PED para ser preso e reencontrar marido
CLIMA
Frio mais intenso do ano é previsto para esta semana em Dourados
REGIÃO
Mulher mata o marido a facadas após discussão em MS
FEMINICÍDIO
Mulher é encontrada morta com golpe de faca no pescoço na região do João Paulo II