Menu
Busca segunda, 01 de junho de 2020
(67) 99659-5905

Vereador que chefiaria milícia irá para prisão federal em MS ou PR

22 janeiro 2010 - 16h19


Em julho de 2009, o vereador foi formalmente acusado pelo Ministério Público Estadual de improbidade administrativa.
 

O vereador do Rio de Janeiro Cristiano Girão (PMN), preso na Câmara Municipal em dezembro de 2009, será transferido para um presídio federal. O político, que também é sargento do Corpo de Bombeiros, é acusado de chefiar uma milícia na comunidade Gardênia Azul, em Jacarepaguá. Ele deverá ser levado para o presídio de Campo Grande (MS) ou para o de Catanduvas (PR).
A solicitação foi feita pelo procurador-geral de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, Cláudio Lopes, e pelo subprocurador-geral de Justiça de Atribuição Originária, Institucional e Judicial, Antonio José Campos Moreira, na quinta-feira, e deferido nesta sexta-feira pelo desembargador Francisco José de Asevedo.
A solicitação foi feita com base em informações de que o vereador estaria saindo com regularidade de sua cela. Girão, segundo relatos, estaria, ainda, ameaçando testemunhas arroladas no processo.
O vereador é acusado de formação de quadrilha, extorsão e lavagem de dinheiro. Há, também, acusações referentes a assassinatos cometidos pelo grupo miliciano do qual supostamente Girão faz parte.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CONVERSA COM BIAL
'O presidente esqueceu de combinar comigo', diz Aras sobre nota de Bolsonaro
JUSTIÇA
TJ/MS manda Delegado acusado de furtar droga de volta para a prisão
GERAL
Cartórios de notas realizam serviços por videoconferência em todo país
CAPITAL
Seis meses de namoro terminam com jovem agredida a capacetadas
UEMS
Convênio seleciona bolsistas em Campo Grande e em Dourados
CAMPO GRANDE
Homem encontrado morto em cachoeira é de SP e tinha 58 anos
TRABALHO REMOTO
TRE-MS disponibiliza balanço semanal das atividades
AVANÇO DA COVID-19
Brasil registra 623 mortes por coronavírus em 24 horas e chega a 29.937
CAPITAL
Pintor é preso após tentar beijar a enteada de 15 anos
EDUCAÇÃO
MEC aponta uso do contraturno escolar após período de emergência por Covid-19

Mais Lidas

PANDEMIA
Estado alerta que Dourados deve ser cidade com mais casos de Covid-19 na próxima semana
POLÍCIA
Homem encontrado morto sob a ponte do Calarge tinha 38 anos
DOURADOS
HU emite nota de esclarecimento sobre atendimento de mulher que morreu com Covid-19
DOURADOS
Homem é encontrado morto embaixo de ponte no córrego Laranja Doce