Menu
Busca quarta, 03 de março de 2021
(67) 99257-3397

Vereador chama situação habitacional de Teatro do Absurdo

16 março 2004 - 14h35

O vereador Paulo Falcão, do PSDB, disse ao diretor presidente da Agehab, José Roberto Buzzio, na reunião de hoje pela manhã na Câmara de Dourados, que a situação da habitação no município “é um teatro do absurdo”.Falcão apontou falhas, segundo ele existente na habitação em Dourados, como casas inacabadas, obras não concluído pelo Movimento Nacional da Moradia, pessoas que não residem no município e foram beneficiadas com casas populares, e situações infames que, segundo ele, levaram as famílias a ser colocadas provisoriamente em barracos de lona nas Chácaras Califórnia.O diretor José Roberto Buzzio disse ao vereador do PSDB, depois de ouvir todas as críticas, que iria corrigir as falhas apontadas por ele o mais breve possível.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MARACAJU
Mulher é presa por desacato ao tentar defender filho suspeito de agressões
BRASIL
Senado aprova MP para compra de vacinas por estados sem licitação
NOVA ANDRADINA
Filho busca doador de medula óssea para mãe que sofre de leucemia
ITINERANTE
Carreta da Justiça finaliza atendimentos em Corguinho e segue para Rochedo
Adolescente é apreendido com R$ 3 mil e 44 porções de pasta-base
IMUNIZAÇÃO
Assomasul discute com a SES compra de vacinas e eventuais medidas restritivas
MATO GROSSO
Homem é preso por abandonar esposa paraplégica sem comida
DOCENTE
Concurso da UFGD convoca para prova didática e heteroidentificação
TRÂNSITO
Médico é preso depois de bater veículo em ônibus no centro da Capital
FUTEBOL
Corinthians tem 19 casos positivos de Covid-19; oito são jogadores

Mais Lidas

ACIDENTE
Veículo pega fogo ao colidir em coqueiro entre Dourados e Itaporã
PRÓXIMO AO TRANSBORDO
Nova 'cracolândia': comerciantes relatam medo e ameaças no centro de Dourados
DOURADOS
Jovem colide moto e embriagado tenta fugir do hospital, mas é detido
DOURADOS 
Preso após agredir esposa, homem é investigado por engravidar a própria filha adolescente