Menu
Busca domingo, 16 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Vasco encara o Paysandu no Rio de Janeiro

07 setembro 2004 - 14h32

Invicto há quatro partidas no Campeonato Brasileiro, o Vasco recebe o Paysandu, hoje à tarde, às 16 horas, em São Januário, pela vigésima nona rodada da competição. Até o momento, os dois times fazem fraca campanha e lutam para fugir da ameaça de rebaixamento. Os cariocas somam 35 pontos e estão na décima sexta colocação. Já o Papão tem três pontos a menos e está em décimo oitavo. O Vasco, no entanto, entra em campo embalado por uma vitória de 2 a 1 sobre o Grêmio, fora de casa. Autor dos dois gols desta partida, o meia Petkovic é novamente a esperança vascaína de conseguir mais um resultado positivo. Para buscar mais três pontos, o Vasco terá que superar algumas ausências. A mais importante é a do goleiro Fábio, que continua servindo à Seleção Brasileira. Desta maneira, o sérvio Tadic recebe mais uma oportunidade. No meio-campo, o técnico Geninho não poderá contar com o volante Emerson, que recebeu o o terceiro amarelo e cumprirá suspensão. Em seu lugar entra Rodrigo Souto, que estava barrado desde o início do Brasileiro e quer mostrar que tem condições de retomar um lugar no time. "O jogo contra o Paysandu é complicado porque eles lutam contra o rebaixamento. Fico feliz por ter mais uma chance. Vai ser complicado, mas espero fazer boa partida", comentou. A última modificação na equipe vascaína está no ataque, onde Róbson Luiz foi expulso e não poderá jogar. Quem jogará ao lado de Anderson, com isso, é Valdir que está de volta à equipe depois de ter sido suspenso pela diretoria vascaína devido a um ato de indisciplina. A maior preocupação de Geninho é evitar que o time possa se levar pelo favoritismo. O treinador quer evitar surpresas desagradáveis como as derrotas que o Vasco sofreu para Criciúma, Guarani e Coritiba dentro de São Januário. "Nem todos os times estão ganhando os jogos em casa e temos visto algumas surpresas, como a derrota de quatro a um do Cruzeiro para o Paraná, no Mineirão. Por isso não vamos garantir que ganharemos o jogo, até porque o Paysandu tem as suas qualidades", disse Geninho. Do lado do Paysandu, o astral também melhorou após a vitória sobre o Botafogo na rodada passada. O time agora vem ao Rio de Janeiro para tentar vingar a derrota que sofreu para o Vasco, em Belém, no primeiro turno. Como vem fazendo desde que assumiu o Paysandu, o técnico Adilson Baptista só anunciará a escalação meio hora antes da partida. O treinador, porém, já confirmou que o zagueiro Alex Pinho volta ao time após cumprir suspensão. Já o defensor Flávio Tanajura se machucou e não poderá estar em campo. Outra ausência é do volante Bebeto Campos, que recebeu o terceiro amarelo. Em seu lugar, o treinador deverá escalar Jairo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Menina registrada pelo pai com nome de anticoncepcional usado pela mãe poderá mudar de nome
Veículo carregado com duas mil doses de vacina da gripe se envolve em batida
BR-163
Veículo carregado com duas mil doses de vacina da gripe se envolve em batida
POLÍCIA
Bebê de um ano e avó ficam reféns de sequestradores por seis horas
EDUCAÇÃO
Curso gratuito de desenvolvimento de aplicativos tem 40 vagas para jovens de sete municípios
JUSTIÇA
Retomada de implantação de sistema de apoio ao consumidor começa nesta segunda-feira
ESTADO
Por intermédio da Agepen, primeira certidão de nascimento digital de preso indígena é emitida
COVID-19
Botucatu inicia neste domingo vacinação em massa da população adulta
REGIÃO
Homem é encontrado morto com sinais de atropelamento
REGIÃO
Mulher mata o marido a facadas após discussão em MS
MINISTRO
Queiroga diz que ministério estuda campanha de testagem contra covid

Mais Lidas

CAMPO GRANDE
Após discussão, jovem bate veículo em poste e namorada que estava no capô morre
TRÁFICO DE DROGAS
Chefe do 'Comando Vermelho' e foragido há seis meses é preso em Dourados
FEMINICÍDIO
Mulher baleada na cabeça pelo ex-marido morre no hospital
CAPITAL
Jovem sai para comprar narguilé e morre após colidir moto contra poste