Menu
Busca domingo, 13 de junho de 2021
(67) 99257-3397

Valdenir entrega 6 mil assinaturas do De olho no Imposto

09 maio 2006 - 16h23

O deputado Valdenir Machado (PRTB) entregou a diretoria da Associação Comercial de Campo Grande, um pacote com a relação de seis mil assinaturas em apoio à campanha “De Olho no Imposto”, lançada em todo Brasil pela Associação Comercial do Estado de São Paulo. O objetivo da campanha, é colher 1,5 milhão de assinaturas em apoio a um projeto de lei que torne obrigatório informar o consumidor sobre o valor dos impostos pagos sobre as mercadorias e serviços.A exigência desta quantidade, é da Constituição Federal, para que a população seja a autora da apresentação do projeto regulamentando o artigo 150, parágrafo 5º, onde consta que “a lei determinará medidas para que os consumidores sejam esclarecidos acerca dos impostos que incidam sobre mercadorias e serviços.”“Estas seis mil assinaturas fazem parte de uma primeira etapa de trabalho em Dourados e algumas cidades vizinhas, como Itaporã e Douradina, mas vamos continuar arregimentando apoio em outras regiões do Estado”, assegura Valdenir Machado. A entrega aconteceu na Câmara Municipal de Dourados, quando da realização de audiência pública sobre “A Crise dos Combustíveis em MS”, ocasionada pelo elevado imposto (ICMS) cobrado pelo Governo do Estado sobre cada litro de combustível comercializado.   O superintendente da Associação Comercial de Campo Grande, Michael Gorske, recebeu a contribuição de Valdenir e elogiou a mobilização da população com a finalidade de somar ao trabalho que vem sendo feito em todo Brasil. O site da campanha (www.deolhonoimposto.com.br) informa que o desconhecimento dos cidadãos sobre o quanto pagam de impostos na compra de produtos e serviços pode estar com os dias contados. Na reta final, o movimento “De Olho no Imposto”, pela transparência tributária, está prestes a atingir a meta de 1,5 milhão de adesões, e já prepara a ida ao Congresso.Com as assinaturas, o projeto de lei poderá iniciar a sua tramitação e a mudança na Lei tornará obrigatória a publicação do quanto a população paga de imposto nos produtos adquiridos. Foto: Valdenir entrega à Michel Gorsk 6 mil assinaturas 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Historiadora traça paralelo entre a gripe espanhola e a pandemia de Covid-19 em evento do STF
BRASIL
Historiadora traça paralelo entre a gripe espanhola e a pandemia de Covid-19 em evento do STF
Covid-19: projeto oferece apoio psicológico online para superar o luto
BRASIL
Covid-19: projeto oferece apoio psicológico online para superar o luto
Olimpíada: Fernando Reis e Jaqueline Ferreira se classificam
ESPORTE
Olimpíada: Fernando Reis e Jaqueline Ferreira se classificam
Prova de vida pode ser feita sem sair de casa
BRASIL
Prova de vida pode ser feita sem sair de casa
Defron desarticula entreposto de cocaína no Campo Dourado
DOURADOS
Defron desarticula entreposto de cocaína no Campo Dourado
MS
Cargas de 164 m³ de carvão ilegal motivam multa de R$ 49,2 mil em empresa carvoeira
CONSCIENTIZAÇÃO
Cardiopatia congênita: diagnóstico precoce é essencial para tratamento
CAPITAL
Condutor de BMW que causou acidente vai a júri por vitimar motociclista
BRASIL
STF julga inconstitucional regra que veda créditos de PIS/Cofins na aquisição de recicláveis
MS
TRT define regime de teletrabalho a partir de segunda-feira

Mais Lidas

FLEXIBILIZAÇÃO
Decreto que libera atividades comerciais a partir de domingo é publicado
EMOCIONATE
VIDEO: Recuperada da Covid-19, douradense é recebida pela mãe em Rondônia
LOCKDOWN
Decreto flexibiliza atendimento via delivery no Dia dos Namorados em Dourados
LOCKDOWN
Fiscalização encontra funcionários dentro de filial das Casas Bahia em Dourados