Menu
Busca domingo, 16 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Vacina universal poderá proteger contra todas as gripes

13 fevereiro 2011 - 08h20

A Dra. Sarah Gilbert e seus colegas da Universidade de Oxford, no Reino Unido, terminaram os primeiros testes de uma nova vacina contra a gripe que poderá proteger os pacientes contra todas as cepas de vírus que causam a gripe.

A vacina universal contra a gripe significaria o fim da vacinação anual, bem como o fim da corrida anual dos médicos para reformular a vacina, que a cada ano deve incorporar o chamado vírus da estação.

Essa futura vacina universal também poderia ser estocada antecipadamente para evitar pandemias, quando ocorre um novo surto.

Como funciona a vacina universal

As vacinas tradicionais induzem a produção de anticorpos que atacam as proteínas externas do vírus da gripe. Como essas proteínas sofrem mutação rapidamente, as vacinas funcionam apenas contra uma cepa do vírus.

A nova vacina, que agora passará para uma nova fase de testes, funciona de forma diferente, aumentando a quantidade de células T no corpo, outro componente importante do sistema imunológico.

As células T atacam proteínas internas ao vírus, que são menos propensas a variar entre as cepas virais.

Desta forma, a vacina poderá funcionar por várias estações, não sendo afetadas pela mutação natural das proteínas externas dos vírus da gripe.

Vantagens da vacina universal

"Se usarmos a mesma vacina a cada ano, seria como a vacinação contra outras doenças, como o tétano. Vai se tornar uma vacinação de rotina, usando uma vacina que será fabricada e usada o tempo todo, em um nível normal.

Nós não teríamos essas demandas ou faltas súbitas - tudo isso poderá acabar," diz a Dra. Gilbert.

Os pesquisadores também acreditam que a vacina universal contra a gripe poderia proporcionar uma melhor proteção para os idosos, que têm uma menor capacidade de criação de anticorpos e não respondem bem às vacinas tradicionais, que estimulam essa resposta.

Testes

Este estudo inicial foi o primeiro a testar a vacina universal em seres humanos - 22 voluntários saudáveis foram infectados com a cepa da gripe chamada "Wisconsin", do vírus da influenza A H3N2.

A equipe da Dra. Gilbert continuará os testes da nova vacina, a seguir com milhares de pessoas.

Se os testes forem bem-sucedidos, espera-se que a vacina universal possa estar no mercado em cerca de cinco anos.

Esta não a primeira pesquisa que busca fabricar uma vacina contra todas as cepas dos vírus da gripe - veja Novos passos rumo a uma vacina universal contra a gripe.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Dourados tem 35 pacientes com Covid-19 na espera por vaga pública de UTI
OCUPAÇÃO MÁXIMA
Dourados tem 35 pacientes com Covid-19 na espera por vaga pública de UTI
ECONOMIA
Abono salarial do PIS-PASEP de até R$ 1,1 mil tem calendário unificado
EDUCAÇÃO
Projeto 'Astrominas' oferece vagas para meninas adolescentes em atividades online de ciências
EMPREGO
Processo seletivo da Prefeitura de Maracaju terá salários de até R$ 8,5 mil
EDUCAÇÃO
Prazo para pedir isenção de taxa do Enem começa nesta segunda-feira
POLÍCIA
Foragido da Justiça é preso após agredir namorada adolescente
POLÍCIA
Mulher encontra seus três cachorros envenenados e suspeita de vingança do ex
ESPORTE
Grêmio vence Inter de virada e larga em vantagem na final do Gauchão
ESPORTES
Palmeiras domina o Corinthians, vence em Itaquera e vai à final do Paulistão
POLÍCIA
Homens são flagrados carneando vaca furtada e um deles tenta agredir policial a facada

Mais Lidas

CAMPO GRANDE
Após discussão, jovem bate veículo em poste e namorada que estava no capô morre
TRÁFICO DE DROGAS
Chefe do 'Comando Vermelho' e foragido há seis meses é preso em Dourados
FEMINICÍDIO
Mulher baleada na cabeça pelo ex-marido morre no hospital
CAPITAL
Jovem sai para comprar narguilé e morre após colidir moto contra poste