Menu
Busca sexta, 05 de março de 2021
(67) 99257-3397

Universidade adota medidas preventivas contra a Gripe Suína

12 agosto 2009 - 15h00

A Unigran lançou nesta terça-feira a Campanha de Prevenção da Gripe A (H1N1), para esclarecer a comunidade acadêmica sobre as formas de contágio, transmissão e tratamento. O médico Luiz Alexandre Bela Farage e o fisioterapeuta Israel dos Santos, professor da Instituição, foram os palestrantes do evento, que reuniu professores, estudantes e funcionários.
A campanha responde às perguntas: como a nova gripe é contraída?, como se faz para evitá-la?, quando procurar atendimento médico?, quais são os sintomas da doença?, se a gripe é perigosa e tem tratamento?. Diante da pandemia que se espalhou pelo país, a Pró-Reitoria de Ensino e Extensão orientou os professores e alunos a se prevenirem e se os sintomas - febre alta, falta de ar, coriza, dor de garganta – forem identificados, a recomendação é procurar tratamento médico e ficar em casa.
As aulas continuarão normalmente. A medida segue orientações do Ministério da Saúde, que recomenda lavar as mãos frequentemente, ao tossir e espirrar, cobrir o nariz e a boca com o lenço, não compartilhar objetos de uso pessoal e fazer assepsia das mãos com álcool, na forma de gel.
A Campanha está sendo coordenada pela coordenadora do curso de Biomedicina, Valdelice Burgos, e pela diretora da Faculdade de Saúde da UNIGRAN, Adriana Mestriner.
Profilaxia
Preocupada com a saúde de sua comunidade acadêmica, a UNIGRAN deixará à disposição do público nos sanitários dispensadores com álcool-gel, junto com os de sabonete líquido. A Instituição também aumentou a freqüência da higienização de todos os corrimãos das escadarias e maçanetas de portas para três vezes ao dia. A transmissão do vírus da gripe se dá pelo ar e pelo contato com objetos tocados por pessoas infectadas, caso elas tenham tossido e espirrado nesses locais.
É comum as pessoas protegerem a boca com as mãos, ao espirrar. Por isso, o vírus pode passar da mão da pessoa gripada para a superfície ou objeto tocado por ela, mesmo depois algumas horas. Segundo os infectologistas, o tempo de sobrevivência do H1N1 varia de uma hora, a 30 graus C, a 10 horas, em temperaturas abaixo de 10º C. Daí a recomendação de se lavarem as mãos e os braços mais vezes ao dia.
Segundo o médico Luiz Alexandre, se os sintomas da gripe forem detectados é necessário que a pessoa procure atendimento médico o mais rápido possível. “Somente o profissional pode diagnosticar o paciente. E se for necessário irá encaminhá-lo ao Hospital Universitário (HU), referência no tratamento da Gripe H1N1 em Dourados”, explicou. Ele alerta sobre o uso indiscriminado de medicamentos e que não é necessário as pessoas entrarem em pânico.
Das notificações da gripe em Dourados, desde junho seis, delas foram confirmadas em exames. A Vigilância Epidemiológica Municipal informa que novos casos deverão surgir devido ao clima frio, que favorece a transmissão do vírus que está circulando na cidade.
O professor Israel dos Santos destacou a importância dos acadêmicos, professores e funcionários ficarem atento aos sintomas da gripe A, e adotar a prevenção como principal fator de combate à doença. A pró-reitora de Ensino e Extensão, Terezinha Bazé, sustentou que todos devem aderir à campanha como medida de evitar que mais pessoas peguem à gripe A.
“A Unigran tem compromisso social com a população, e cabe a nós levar o conhecimento e a informação ao maior número de pessoas”, frisa a pró-reitora, ressaltando que a proposta da campanha também tem como medida formar estudantes multiplicadores da prevenção da gripe H1N1”.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PANDEMIA
Brasil registra aumento de 11% em mortes por covid-19 em uma semana
PM apreende carga de cigarros em dois carros que seguiam para Campo Grande
CONTRABANDO
PM apreende carga de cigarros em dois carros que seguiam para Campo Grande
Pandemia prejudica transplante de órgãos no Brasil
SAÚDE
Pandemia prejudica transplante de órgãos no Brasil
Grêmio confirma renovação com Renato Portaluppi para 2021
FUTEBOL
Grêmio confirma renovação com Renato Portaluppi para 2021
LEGISLATIVO
Mais dois municípios de MS têm calamidade pública prorrogada
COVID
'Dia D' quer vacinar 400 pessoas de grupos prioritários no sábado
MATO GROSSO DO SUL
Executivo envia projeto para criar fundação de apoio à pesquisa e à Educação
BOLETIM
Covid faz novas vítimas fatais e outras 65 pessoas contraem o vírus em Dourados
LOTERIAS
Sorteio da Mega pode pagar prêmio de R$ 22 milhões amanhã
ARTIGO
130 anos de Excelência?

Mais Lidas

DOURADOS 
Vídeo mostra momento da colisão entre veículos em Dourados
PONTA PORÃ
Casal é assassinado na fronteira e corpos são deixados um ao lado do outro
NOVA DOURADOS
Colisão entre veículos deixa pessoa gravemente ferida em Dourados
PANDEMIA 
Secretário alerta para nova variante do coronavírus na região da Grande Dourados