Menu
Busca quinta, 06 de maio de 2021
(67) 99257-3397

União pedirá verba extra para a campanha do desarmamento

02 setembro 2004 - 23h26

O governo federal vai pedir ao Congresso Nacional uma verba extra para a Campanha do Desarmamento, que já utilizou o orçamento inicial de R$ 10 milhões para pagar as indenizações das pessoas que entregaram cerca de 80 mil armas. O ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, lançou hoje uma campanha publicitária com o objetivo de ampliar esse resultado. Ela foi batizada informalmente por ele como "Desarmamento Já", uma analogia à campanha das "Diretas Já", que completa 20 anos em 2004. "Já pedimos uma suplementação ao Congresso Nacional de mais R$ 20 milhões. Depois vamos pedindo progressivamente. Todas as vez em que precisar de mais dinheiro, nós conseguiremos", afirmou o ministro. A meta agora é chegar a 300 mil armas recolhidas. Para isso, o governo quer contar com o apoio dos Estados, e fará "caravanas" para pedir aos governadores que ajudem a criar novas formas de mobilizar a sociedade. Além disso, haverá um telefone de informações (0800-729-00-38) e uma peça publicitária que será transmitidas pelos veículos de comunicação."Nossa aspiração é chegar a 300 mil armas. Se chegar a 400 mil, melhor. Se ficar em 200 mil já está bom", concluiu.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Homem é preso com caminhonete e pistola na MS-164 logo após assalto
POLÍTICA
Senado Federal aprova penas mais duras contra crimes cibernéticos
APARECIDA DO TABOADO
Homem é esfaqueado ao tentar impedir mulher de sair para comprar drogas
IMUNIZANTE
Mais 628 mil vacinas da Pfizer chegam ao Brasil nesta quarta-feira
RIBAS DO RIO PARDO
Detetive particular já condenado é preso por dirigir embriagado após acidente
JUDICIÁRIO
Justiça Federal absolve ex-presidente Temer de envolvimento em 'quadrilhão'
COXIM
Homem agride filho e nora de vereador, quebra viatura e danifica loja
SELEÇÃO
Ibama é autorizado a contratar 1,6 mil funcionários temporários
NAVIRAÍ
Ambiental apreende armadilha de caça de animais silvestres de grande porte 
BRASIL
Bolsonaro veta prorrogação para entrega de declaração do Imposto de Renda

Mais Lidas

PANDEMIA
Decreto reduz toque de recolher em Dourados na semana do Dia das Mães
DOURADOS
Pancadaria em motel termina na delegacia com três pessoas detidas
REGIÃO
Mãe e filha são executadas em locais diferentes na fronteira
PONTA PORÃ
Vítima de execução na fronteira registrou boletim de ocorrência contra o namorado