Menu
Busca sábado, 04 de abril de 2020
(67) 9860-3221

Última edição do ano do “Espaço da Poesia” homenageia o mês da Consciência Negra

28 novembro 2012 - 21h00

Última edição do ano do Espaço da Poesia, projeto da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul (FCMS), irá homenagear o mês da Consciência Negra com intervenções artísticas e culturais e a apresentação do livro “Folhas Brasileiras” de Ismael Machado. O evento também promoverá o 1º recital de poesia do projeto “Arte de Dizer” e contará com a participação do grupo Dançurbana e do Trio ZumDiBesouro.

O poeta pós-modernista Ismael Machado utiliza o pseudônimo Fernando Bandeira, uma homenagem a dois grandes poetas das literaturas portuguesa e brasileira, Fernando Pessoa e Manuel Bandeira. Nas palavras da jornalista Carmen Cestari, seu livro “Folhas Brasileiras” desperta a esperança, que se revela sob diversas formas. “Esperança de um mundo melhor, mais justo, mais ético, mais humano”. O livro viaja pela mitologia e traz de volta grandes mestres do passado. O autor também é um defensor implacável da natureza e do lugar em que nasceu.

O projeto “Arte de Dizer” realizou oficinas poéticas para professores do ensino fundamental de Língua Portuguesa, Literatura e Artes e de outras áreas. A iniciativa teve a finalidade de capacitar os professores para estimularem a declamação de poesias entre os alunos. A escritora Nildes Prieto, quem ministrou o curso, afirma que o Estado possui uma literatura rica e vasta em poesias com poetas que se destacam. Porém falta divulgação e valorização da literatura produzida. “O curso alcançou seu objetivo, de conseguir envolver os professores na arte de declamar, de uma forma que estes despertaram em seus alunos o gosto pela poesia”, explicou.



A Cia. Dançurbana foi fundada em 2002, na capital. Em sua formação inicial era composta por jovens que se destacavam como participantes de projetos sociais de dança de rua dos bairros de Campo Grande. Atualmente a Cia. é formada por jovens, criadores intérpretes à procura de uma dança que levante questões a partir dos anseios e desejos de seus integrantes.



Formado em 2012, o grupo ZumDiBesouro é um grupo de MPB. Formado pelos integrantes: Adriano San ao violão e voz, Felipe Alves ao violão e voz e Luiz Carlos Santana na percussão e voz, o trio prioriza as músicas autorais com diversos ritmos e temáticas.



Influenciados pela Música Popular Brasileira de todos os tempos, o grupo busca em suas fontes as melodias, harmonias e poesias, com a intenção de incrementar suas composições com pitadas regionais, em temas como o amor, a saudade, a nostalgia e a esperança. Atualmente em estúdio, o grupo prepara seu primeiro CD, intitulado “VERDE MATE”, para o início de 2013.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ÁGUA CLARA
Dois jovens são presos por infringir o toque de recolher em MS
CORUMBÁ
Operação de repatriação dos brasileiros vindos da Bolívia tem reforço de helicóptero em MS
PANDEMIA
EUA são acusados de 'pirataria' e 'desvio' de equipamentos que iriam para Alemanha, França e Brasil
INCENTIVO
Governo amplia lista de produtos médico-hospitalares com IPI zerado
COVID-19
Comitê de Crise de conronavírus estuda dividir o Hospital da Vida em duas partes durante pandemia
ITAMARATY
Mais de 500 repatriados já cruzaram a fronteira da Bolívia com o Brasil
PARANAÍBA
MPMS viabiliza recurso para aquisição de testes rápidos do novo coronavírus
COVID-19
Governo de MS usa localizadores de celular para monitorar cumprimento da quarentena do coronavírus
ELEIÇÕES
Lia Nogueira oficializa filiação ao Partido Progressista
INTERNACIONAL
Brasil pede a Índia que garanta fornecimento de insumos farmacêuticos

Mais Lidas

DOURADOS
Exame de jovem que morreu no HU testa negativo para coronavírus
COVID-19
Dourados tem mais um caso confirmado de coronavírus
DOURADOS
Jovem morre no HU e município pede agilidade no resultado do exame de coronavírus
CORONAVÍRUS
Dourados registra mais dois casos de Covid-19 e MS tem 60 confirmações