Menu
Busca domingo, 16 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Tudo pronto para a maior festa do esporte mundial

13 agosto 2004 - 12h58

Depois de muitas críticas sobre o atraso nas obras, chegou a hora da festa. Os gregos promovem hoje, a partir das 13h45, a cerimônia de abertura da Olimpíada de Atenas. De acordo com o alfabeto grego, o Brasil será o 31º país a desfilar, tendo como porta-bandeira o iatista Torben Grael, dono de quatro medalhas olímpicas, uma delas de ouro. O velejador será seguido pelo chefe de missão do Brasil, Marcus Vinícius Freire. Segundo a previsão do Athoc, o Comitê Organizador dos Jogos de Atenas, o Brasil deve desfilar por volta das 16h (de Brasília). “Teremos um grande evento. Vamos realizar um festa histórica, unindo a Grécia Antiga com elementos do século XXI”, disse a presidente do Comitê Organizador, Gianna Angelopoulos. O espetáculo, que deve ser assistido por 55 mil pessoas no Estádio Olímpico e 4 bilhões de telespectadores, vai começar com o astro da TV local Nikos Aliaga. Ele entrará vestido de uniforme azul de operário, fingindo fazer o último retoque no estádio. No telão, será exibida uma gravação de três anos atrás, de um taxista dizendo que “Atenas nunca fica pronta”. Umas das principais surpresas já foi desvendada: um lago vai aparecer no centro do estádio e, de dentro da água, surgirá uma estátua típica das ilhas de Cíclades. A cultura milenar será mostrada por meio do desfile de carros alegóricos, com personagens típicos que vão ganhando vida quando passam por um anjo, suspenso no ar. Um dos segredos mantidos a sete chaves é uma cavalo de tróia. Depois que o lago gigante secar, começará o desfile das delegações, orquestrado pelo DJ holandês Tiesto. A cantora islandesa Björk ainda cantará a música oficial das Olimpíadas. Só não se sabe ainda como será o ritual da pira olímpica. O favorito para acendê-la é o velocista Costas Kenteris, ouro nos 200m nos Jogos de Sydney (2000). A delegação brasileira, no entanto, vai desfilar desfalcada. Atletas do vôlei, basquete, ginástica e natação não participarão da cerimônia, porque irão competir amanhã. “É uma festa linda, emocionante, mas desgasta. Os atletas acabam ficando muitas horas em pé e, como o basquete estréia no dia seguinte, o nosso foco é outro”, explicou a armadora Helen, do basquete, em sua terceira Olimpíada. Já confirmaram presença atletas do boxe, esgrima, ginástica rítmica, handebol masculino e feminino, hipismo CCE, remo, saltos ornamentais, nado sincronizado, tênis de mesa, vela e vôlei de praia. Mas não é apenas o Brasil que estará desfalcado. A maior estrela das piscinas, o americano Michael Phelps, não participará da cerimônia de abertura, assim como a dupla americana de vôlei de praia Holly McPeak e Elaine Youns e o nadador australiano Ian Thorpe, entre outros.
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Homem acusado de matar ex-mulher é preso
FEMINICÍDIO
Homem acusado de matar ex-mulher é preso
EM ANÁLISE
Projeto prevê multa por atos contra as mulheres em eventos esportivos
Botafogo vence e deixa Minas Brasília no Z4 do Brasileiro Feminino
FUTEBOL
Botafogo vence e deixa Minas Brasília no Z4 do Brasileiro Feminino
Em Dourados, mais de 20 pessoas aguardam vagas em leitos para Covid
PANDEMIA
Em Dourados, mais de 20 pessoas aguardam vagas em leitos para Covid
Bolsonaro participa de manifestação de agricultores e religiosos
POLÍTICA
Bolsonaro participa de manifestação de agricultores e religiosos
DOURADOS
Dois são presos tentando roubar mercado no Jardim Clímax
ARTIOGO
Missão de mãe
REGIÃO
Polícia apreende veículo com adulteração de sinal identificador
SAÚDE
Estudo investiga como começa e evolui o câncer de esôfago
DOURADOS
Relojoaria na Avenida Marcelino Pires é furtada

Mais Lidas

CORONAVÍRUS
Murilo Zauith passa por reabilitação e segue internado em SP
TRÁFICO DE DROGAS
Chefe do 'Comando Vermelho' e foragido há seis meses é preso em Dourados
DOURADOS
Criança encontrada morta apresentou problemas estomacais uma semana antes
CACHOEIRINHA
Polícia fecha ponto de distribuição de drogas e prende abastecedor