Menu
Busca quinta, 02 de abril de 2020
(67) 9860-3221

Tragédia de Ivinhema poderia ter sido evitada

14 dezembro 2003 - 19h59

O Administrador da Fazenda Matuba, propriedade vizinha do sítio onde ocorreu o acidente que vitimou duas crianças na cidade de Ivinhema, na Gleba Jaborandi de nome João Batista Pereira Neris de 49 anos, disse para a Polícia civil que avisou a Empresa Enersul da ocorrência de um cabo rompido sobre a cerca, por volta das cinco e meia da tarde. Neris alega que chegou inclusive a advertir o funcionários da empresa sobre o perigo, para que não fosse efetuado o religamento da energia. O administrador compareceu na delegacia para registrar ocorrência de danos causados por ocasião da morte de seis cabeças de gado da fazenda em razão de contado com a cerca energizada.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Mulher de 22 anos com bebê no colo é morta com tiro na cabeça
OUTRA DATA
Judiciário suspende concurso para juízes leigos na comarca de Jardim
TRÁFICO DE DROGAS
“Negão da Borracharia” é preso com 13 kg de maconha na Capital
AVANÇO DA PANDEMIA
Ministério confirma 58 novas mortes por coronavírus, e total chega a 299
DOURADOS
Exame de jovem que morreu no HU testa negativo para coronavírus
OPERAÇÃO
Polícia identifica criminoso que pretendia praticar roubo milionário em MS
ECONOMIA
Dólar sobe pouco, mas tem novo recorde de fechamento
MATO GROSSO DO SUL
Paulista é flagrado com pescado, barco, motor e petrechos
FRONTEIRA
Ação conjunta fecha 48 comércios e prende uma pessoa em Ponta Porã
SAÚDE
Governo de MS diz ter três desafios diante da pandemia do coronavírus

Mais Lidas

REGIÃO
Ex-assessor de Mandetta é encontrado morto em apartamento na Capital
COVID-19
Primeiro óbito por coronavírus do Estado é registrado em Dourados
NOVA ANDRADINA
Hospital confirma três profissionais com coronavírus em unidade que atendeu idosa
BOLETIM DA SES
Dourados registra mais um caso de coronavírus e MS tem 51 confirmações