Menu
Busca domingo, 31 de maio de 2020
(67) 99659-5905

TJ/MS nega liberdade a jornalista que matou criança no trânsito

12 janeiro 2010 - 09h22

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJ/MS) negou novamente o pedido de liberdade ao jornalista Agnaldo Ferreira Gonçalves, preso desde o dia 18 de novembro de 2009 pela morte do menino Rogério de Mendonça Pedra Silva, em briga de trânsito. O habeas corpus foi protocolado durante o plantão forense e negado pelo desembargador João Carlos Brandes Garcia na sexta-feira, 8 de janeiro.

No dia 9 de dezembro, a defesa entrou com habeas corpus no TJ/MS, mas foi negado no dia 11. Ainda em dezembro, o advogado do jornalista, Valdir Custódio, pediu para que o titular da 1ª Vara do Tribunal do Juri, Aluízio Pereira dos Santos reavaliasse a decisão do juiz Carlos Alberto Garcete que, em substituição na 1ª Vara, havia decretado a prisão preventiva. Para a defesa, o conceito de paz social não se enquadra nos preceitos jurídicos de prisão preventiva. O titular, Aluízio Pereira dos Santos, negou recurso.

Em nova tentativa no TJ/MS, a defesa utilizou os mesmos argumentos protocolados na 1ª Vara, de que o conceito de paz social não fazia parte dos preceitos da prisão preventiva. No plantão, o desembargador Brandes Garcia negou a liminar. Custódio explica que agora o recurso será avaliado pela 2ª Turma Criminal, com relatoria sob responsabilidade de Romero Osme Dias Lopes.

No dia 18 de novembro do ano passado, Agnaldo Gonçalves se envolveu em uma briga de trânsito com Ademir de Pedra Neto, 22 anos, na Avenida Ernesto Geisel. A discussão continuou na Avenida Mato Grosso até que o jornalista, armado, atirou na direção do carro de Ademir e acertou o avô do rapaz, João Afonso Pedra, 54 anos e o sobrinho, Rogério. O garoto, de dois anos e oito meses, foi atingido no pescoço e morreu no hospital. João Afonso foi atingido no maxilar. Agnaldo justificou os disparos dizendo que foi ameaçado. O jornalista está detido no Centro de Triagem.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PESQUISA
Datafolha: 72% discordam da frase de Bolsonaro sobre dar armas para população
PANDEMIA
Com 71 novas confirmações, MS chega a 1.489 casos de coronavírus
CAPITAL
Mulher morre após acidente de trânsito causado por homem embriagado
PANDEMIA
Dourados registra mais 19 casos de coronavírus em 24 horas
BRASIL
Guedes e sua equipe avaliam programa de renda mínima
CAPITAL
Homem é morto após sair para urinar quando bebia com os amigos
TRÁFICO
PRF apreende mais de 500 kg de maconha em droga
SAÚDE
Dia Mundial sem Tabaco analisa relação do tabagismo com a covid-19
MÚSICA
Rita Lee cogita gravar o primeiro álbum de músicas inéditas em oito anos
DADOS
MS tem redução de 1.871 crimes no 1º quadrimestre de 2020

Mais Lidas

DOURADOS
Protocolo é seguido e mulher vítima do coronavírus é enterrada sem despedida de familiares
PANDEMIA
Estado alerta que Dourados deve ser cidade com mais casos de Covid-19 na próxima semana
MAIORIA JOVENS
Vítima fatal da Covid-19 faz parte da faixa etária com mais casos da doença em Dourados
POLÍCIA
Homem encontrado morto sob a ponte do Calarge tinha 38 anos