Menu
Busca quinta, 09 de abril de 2020
(67) 9860-3221

TJ mantém decisão que manda sem-terra desocupar área

07 janeiro 2004 - 18h46

A 1ª Turma Especial do Tribunal de Justiça manteve nesta semana decisão de 1ª instância determinando a desocupação de área da prefeitura de Campo Grande por famílias de sem-terra. Desde a metade de dezembro, elas formam acampamento no anel rodoviário, entre as saídas para São Paulo e Sidrolândia. O acampamento é formado por famílias ligadas ao MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra), que afirmam que não vão cumprir a determinação judicial de desocupação da área.Há outra decisão, de 1ª instância, que impede a prefeitura de fazer a remoção das famílias. O município tem alegado que o terreno não serve para a reforma agrária e a que permanência das famílias no local oferece riscos à segurança, por ser um local às margens da estrada.O prefeito André Puccinelli (PMDB) não comentou esta decisão, mas anteriormente cobrou ação da Segurança Pública e disse que, se pudesse, colocaria tanques, balas e cães contra os sem-terra.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CLIMA
Em manhã fria, Dourados tem temperatura mais baixa do ano
COVID-19
Senai entrega ainda nesta semana 15 respiradores hospitalares já consertados
ECONOMIA
Auxílio emergencial de R$ 600 começa a ser pago nesta quinta-feira
LOTERIA
Mega-Sena acumula e pode pagar prêmio de R$ 13,5 milhões no sábado
BELEZA E ESTÉTICA
Micropigmentação
INFORME PUBLICITÁRIO
Armas de fogo, em mãos de pessoas de bem, não precisam atirar!
RIBAS DO RIO PARDO
Polícia Civil desconfia, desmonta Fusca e encontra mais 28 kg de maconha
FERIADO
Hoje é ponto facultativo nas repartições públicas de Dourados
ECONOMIA
Governo vai pagar conta de luz dos consumidores de baixa renda por 3 meses
POLÍCIA
Proprietário de Frigorífico é encontrado morto em Deodápolis

Mais Lidas

DOURADOS
Mulher tenta desviar de buraco, é atropelada por carreta e morre
DOURADOS
Assassinos de homem no Parque das Nações roubaram celular de testemunha
DOURADOS
Na volta ao atendimento, populares formam filas longas em frente a agências bancárias
DOURADOS
Mulher morta em acidente cursava pedagogia e terá corpo levado a Naviraí