domingo, 14 de agosto de 2022
Dourados
33°max
18°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

STF julga hoje poder de investigação do Ministério Público

01 setembro 2004 - 14h13

O Supremo Tribunal Federal (STF) vai decidir, nesta quarta-feira, se o Ministério Público pode continuar investigando casos em matéria penal. Está previsto para ir a julgamento em plenário o inquérito 1.968 em que o deputado federal licenciado Remy Trinta (PL-MA) é acusado de desvio de dinheiro do Sistema Único de Saúde (SUS). No inquérito, o deputado argumenta que o MP não tem competência para investigar. A Procuradoria Geral da República opinou pelo recebimento da denúncia, ou seja, aprova a investigação pelo MP. Já o relator do inquérito, ministro Marco Aurélio, e o ministro Nelson Jobim rejeitaram a denúncia em outubro do ano passado. Marco Aurélio entendeu que o inquérito criminal não poderia ter sido realizado pelo Ministério Público, mas pela Policial Federal. Pedido de vista do ministro Joaquim Barbosa suspendeu o julgamento, que hoje será retomado. Conforme a denúncia contra Remy Trinta, as fraudes teriam alcançado cerca de R$ 700 mil apenas no ano de 1995. O deputado e outros acusados, todos proprietários e administradores da Clínica Santa Luzia, em São Luis (MA), teriam se beneficiado de um esquema de fraudes aproveitando-se de Autorizações de Internação Hospitalares (AIHs) falsas para buscar, junto ao Sistema Único de Saúde, pelo menos ao longo de 1995, o pagamento de serviços hospitalares indevidos. A defesa do deputado alegou que a participação de Remy Trinta estaria limitada à cobrança de faturas atrasadas, conforme reconhecido em decisão judicial. Sustentou, ainda, que a denúncia não conteria a configuração do crime de estelionato, ou seja, o efetivo prejuízo material, muito menos a configuração do crime de uso de documento falso. Por fim, alegou a incapacidade investigatória do Ministério Público Federal.   

Deixe seu Comentário

Leia Também

Motociclista morre após colidir contra veículo que fazia conversão
SIDROLÂNDIA

Motociclista morre após colidir contra veículo que fazia conversão

EDUCAÇÃO

MEC prorroga prazo para comprovação de informações do Prouni

Bolsonarista vai para a cadeia após Justiça revogar prisão domiciliar
ASSASSINATO DE PETISTA

Bolsonarista vai para a cadeia após Justiça revogar prisão domiciliar

Dono de chácara é indiciado e multado por extração ilegal de minério

Dono de chácara é indiciado e multado por extração ilegal de minério

LIMINAR

Justiça manda YouTube excluir vídeos de caça de animais silvestres

Briga entre vizinhos termina com disparo contra caminhonete

JUDICIÁRIO

STF derruba regra do TST com punição para férias pagas em atraso

Após sete horas, polícia captura rapaz armado que entrou em surto

ARTIGO

E a economia, quem diria? O Brasil pode dar certo!, por Rodolpho Barreto

VIOLÊNCIA

Rapaz de 28 anos é esfaqueado no peito e morre em hospital

Mais Lidas

DOURADOS

Acusado de raptar a ex e trocar tiros com a polícia tem alta e é levado para delegacia

DOURADOS

Homem que trocou tiros com a polícia na Linha do Potreirito havia sequestrado a ex

EMBRIAGUEZ

Caminhonete ocupada por cinco jovens capota na BR-376

DOURADOS

Douradense contaminado com "varíola dos macacos" viajou para o Paraguai recentemente