Menu
Busca quinta, 05 de agosto de 2021
(67) 99257-3397

Sindicato denuncia calote em frigorífico de Amambai

21 outubro 2004 - 10h59

O Sindicato Rural de Amambai está preocupado com a situação dos pecuaristas da região de Amambai que estão absolutamente revoltados com os prejuízos que vêm tendo com condições criadas pelo maior comprador de bovinos da região, o Fribai, que agora mudou o nome para Margen. Segundo o presidente do Sindicato, Gilberto Dalpasqual, os pecuaristas estão praticamente sendo caloteados, já que o frigorífico tem "sistematicamente enrolado nas questões de pagamento que, na maioria das vezes, chegam a até 180 dias". De acordo com Dalpasqual, um pecuarista vendeu o seu gado nos meses de maio e junho e recebeu um cheque para 30 dias, teve os cheques devolvidos duas vezes por falta de fundos, e ao procurar o frigorífico este emitiu outro cheque no mesmo valor, sem juros, para mais 30 dias que também foi devolvido duas vezes pelo mesmo banco por insuficiência de saldo. "Aí o pecuarista retornou ao Fribai que lhe propôs um acordo de pagamento em três vezes sem qualquer correção ou os juros correspondentes. Antevendo um prejuízo cada vez maior e sem alternativa, o pecuarista aceitou o acordo e mais uma vez foi ludibriado, pois ao começar ao vencimento das parcelas, o Fribai sustou os cheques correspondentes", relata o dirigente sindical.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Considerado extremamente violento, traficante é preso com arma
ECONOMIA
Bolsonaro anuncia que novo Bolsa Família se chamará "Auxílio Brasil"
Policial tem prisão preventiva decretada após destruir carro da namorada
REGIÃO
Prorrogadas inscrições de peritos para atuarem no Poder Judiciário de MS
Idoso é preso no Paraguai com arma de fogo e faca tipo adaga
NOVA INVESTIGAÇÃO
TCU decide abrir processo para apurar conduta de Pazuello na pandemia
Ambiental captura 1.337 animais silvestres no primeiro semestre de 2021
GERAL
Governo amplia número de vagas do último concurso da Agepen
Passageira dorme em ônibus e só descobre furto das malas na rodoviária
SELIC
Copom eleva juros básicos da economia para 5,25% ao ano

Mais Lidas

DOURADOS
Assessora vai à polícia e diz que foi ameaçada de morte por vereadora
DOURADOS
Flagrado com pistola, jovem é preso no Parque do Lago II
AMEAÇA
Mulher não aceita relacionamento do ex e ameaça a atual companheira dele de morte
DOURADOS
Casal é preso após transformar casa de homem que morreu por overdose em 'boca de fumo'