Menu
Busca quarta, 12 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Setor de desaparecidos promove reencontro entre mãe e filho

13 agosto 2004 - 20h35

O setor de desaparecidos da Polícia Civil promoverá o reencontro entre mãe e filho que não se vê a mais de 18 anos. Segundo informações do setor, Antoniel de Lima, 28 anos, morava com o pai em Rondônia (RO) e sua mãe no Pará. Aos 10 anos de idade, o menino desejava procurar a mãe e pegou suas coisas e saiu de casa. Antoniel de Lima pegou carona com um caminhoneiro, mas acabou vindo para Campo Grande (MS). Na Capital, o menino passou fome, dormiu na rua até que uma mulher o adotou. Vinte e oito anos depois, Antoniel de Lima procurou o setor que conseguiu localizar sua mãe. O reencontro acontecerá à 9h30 na próxima segunda-feira, dia 16, na sede da Cepol (Centro Especializado de Polícias Integradas)  na capital.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Corpo encontrado em lagoa fica sobre "reboque" até chegada da polícia
COXIM
Corpo encontrado em lagoa fica sobre "reboque" até chegada da polícia
TEMPO
Quarta-feira nublada com possibilidade de chuva em Dourados
RECURSO PRIVILEGIADO
Ação contra exclusão de multas no Detran prende um com CNHs falsas
SENADO
Aprovado caráter permanente do Programa se apoio às Microempresas 
Caminhão tomba e espalha carga de soja sobre rodovia
CAPITAL
Caminhão tomba e espalha carga de soja sobre rodovia
DOURADOS
Campanha do Agasalho arrecada 600 quilos e supera meta inicial
CLIMA
Inmet alerta Dourados para perigo de chuvas intensas e declínio de temperatura
Pedreiro é condenado a pagar R$ 50 mil por estuprar enteada de 13 anos
CAIXAS
Saúde distribui térmicas para municípios transportarem vacinas
NOVA ALVORADA
Vizinhos sentem falta e homem encontra corpo do irmão em decomposição

Mais Lidas

PANDEMIA
Levado pela Covid-19, "João da União" deixa legado para família e em Dourados
INDÁPOLIS
'Frio' e com roupa ainda suja de sangue, assassino de tio não mostrou arrependimento ao ser preso
DOURADOS
Homem morre no HV após acidente com condutor que empinava moto
PANDEMIA
Novo decreto mantém toque de recolher às 21h e autoriza abertura de cinema em Dourados