domingo, 26 de maio de 2024
Dourados
12ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
POLÍTICA

Sessão do Congresso Nacional sobre vetos presidenciais é adiada

25 abril 2024 - 06h12Por Redação

sessão do Congresso Nacional que analisaria vetos do presidente Luiz Inácio Lula da Silva a propostas aprovadas pelo Legislativo foi cancelada por falta de acordo entre os líderes partidários. A reunião conjunta entre deputados federais e senadores, que estava marcada para a noite desta quarta-feira (24), foi remarcada para ocorrer entre os dias 7 e 9 de maio. Na semana que vem, o feriado do dia 1º de maio deve esvaziar o Parlamento.

"De fato, não havia um mínimo consenso em relação a tudo quanto havia de projetos e de vetos, melhor dizendo, nessa sessão do Congresso. Então, damos mais esse prazo, para que possam, os líderes, entabularem o máximo possível dos acordos, sobretudo os vetos da Lei de Diretrizes Orçamentárias e da Lei Orçamentária Anual", explicou o presidente do Senado e do Congresso, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), em declaração à imprensa.

Entre os itens na pauta estavam os vetos em relação ao projeto que restringe as saídas temporárias de presos e o que impediu R$ 5,6 bilhões em emendas parlamentares. A expectativa era que se os itens fossem à votação, o governo sofreria um derrota e os vetos presidenciais seriam derrubados.

Após informar sobre o adiamento da sessão, Pacheco observou que as datas dos dias 7 e 9 de maio serão definitivas, sem possibilidade de prorrogação. Ao todo, na pauta desta sessão, constavam 32 vetos. O veto ocorre quando presidente da República recusa, total ou parcialmente, um projeto aprovado pelo Congresso Nacional. Para derrubar um veto, são necessários os votos de 257 deputados e 41 senadores.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SUL DO PAÍS

Vale do Taquari: Exército vai refazer travessias levadas pelas cheias

BRASIL

Novos títulos verdes financiarão economia circular e saneamento

MATO GROSSO DO SUL

Chefes de unidades de investigação de homicídios debatem índice nacional em reunião

RIO GRANDE DO SUL

Prefeitura usa sacos para fechar comportas danificadas em Porto Alegre

SAÚDE

UTIs vão reforçar hospitais de campanha no Rio Grande do Sul

MATO GROSSO DO SUL

Mulher que usou espingarda de pressão para machucar cachorro é presa

BRASIL

Saúde lança nova campanha de vacinação contra covid-19

ARTIGO

A exploração política de uma tragédia...

POLÍCIA

Animais em situação de maus tratos são resgatados em Corumbá

ESPORTE

Brasil encerra Mundial de Atletismo com mais seis medalhas

Mais Lidas

'SEGURANÇA LEGAL'

Empresas clandestinas de segurança são alvos de Operação da Polícia Federal em MS

DOURADOS 

Alerta de Frio: Temperaturas em Dourados devem cair no final de semana

NOVIDADE

Dourados poderá ter corredor gastronômico na avenida Weimar Torres

TEMPO

Inmet divulga alerta de tempestade para Dourados e região