Menu
Busca quinta, 23 de setembro de 2021
(67) 99257-3397
CRISE NO EVANGÉLICO

Servidores expõem comunicado de que não haverá pagamento

06 agosto 2014 - 09h51

Thalyta Andrade

O Dourados News recebeu por meio do canal ‘Ligado na Redação’, onde leitores podem encaminhar denúncias e informações via [whats app](http://www.douradosnews.com.br/dourados/dourados-news-amplia-espaco-de-interacao-com-internauta), imagens de um comunicado que teria sido feito pela administração do Hospital Evangélico de Dourados, informando aos funcionários do Hospital da Vida que o pagamento da folha salarial de agosto não será feito por conta da unidade, que é a atual gestora do hospital, “não dispor de recursos financeiros suficientes para realizar o pagamento”.

“Se os funcionários estão sendo tratados dessa forma, imagina como ficarão os pacientes!”, exclamou um dos leitores que encaminhou a denúncia, e completou dizendo que “Dourados está largada, sem saúde, o hospital que atende a toda a região da Grande Dourados está abandonado pela administração do Hospital Evangélico”. Outro leitor, que encaminhou a mesma imagem, disse que o comunicado foi fixado acima do relógio de ponto dos funcionários, que estariam desesperados com a situação.

Procurada pelo Dourados News, e questionada se o comunicado era verídico e que providências a superintendência do HE pretendia adotar para sanar o problema e garantir o direito dos funcionários de receberem seus salários em dia, a assessoria de comunicação do hospital se limitou a responder que "o hospital aguarda o repasse dos serviços prestados ao SUS [Sistema Único de Saúde], para que possa realizar o pagamento aos funcionários".

Na semana passada, uma comissão formada por funcionários do HE expôs uma grave crise financeira pela qual a unidade estaria passando [(confira matéria clicando aqui)](http://www.douradosnews.com.br/dourados/comissao-confirma-divida-milionaria-e-da-prazo-para-evangelico-deixar-de-atender), com dívidas que acumulam R$ 40 milhões e dos quais R$ 10 milhões seriam de encargos trabalhistas, cheques sem fundos e outras situações.

Os repasses feitos pelo poder público à unidade é de mais de R$ 2,5 milhões por mês pela prestação de serviços.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Suspeito de furtar bicicleta é apedrejado e vai parar em hospital
CÂMARA DOS DEPUTADOS
Aprovada isenção de IR para aposentados com sequelas de covid-19
Mulher ganha R$ 50 mil no Nota Premiada com recibo do enterro do pai
Mulher ganha R$ 50 mil no Nota Premiada com recibo do enterro do pai
SAÚDE
Preso, Roberto Jefferson vai passar por cirurgia de cateterismo
CAPITAL
Após ser acusado de roubo, homem tenta matar mulher a facada
ONLINE
UEMS realiza palestra sobre 'Leitura e Literatura para bebês e crianças'
CAPITAL
Família faz vaquinha de R$ 21,9 mil para cirurgia de bebê de 8 meses
ASTRONOMIA
Entenda o que é equinócio, fenômeno que dá início à primavera
MARACAJU
Padrasto foge após menina contar a amiga da família que era estuprada
JUDICIÁRIO
Plataforma no portal do TJ/MS facilita busca de veículos apreendidos

Mais Lidas

DOURADOS
Vizinhos sentem mau cheiro e idoso é encontrado morto no Novo Horizonte
PEDRO JUAN CABALLERO
Adolescentes desaparecidas na fronteira são localizadas
FRONTEIRA
Adolescentes brasileiras estão desaparecidas desde o último sábado
DOURADOS
Maconha apreendida em barracão usado como entreposto do tráfico pesou mais de 1,5t