Menu
Busca domingo, 01 de agosto de 2021
(67) 99257-3397

Senadora do PT é acusada de abuso de poder

13 novembro 2004 - 15h27

A senadora Ideli Salvatti (PT-SC) está sendo acusada de "abuso de poder político" por ter pedido votos para o partido em comício durante a campanha para eleição municipal em Descanso, oeste de Santa Catarina. A ação foi encaminhada à Justiça Eleitoral Regional pelo advogado Luiz Pichetti. Segundo ele, a senadora afirmou em comício que "o Governo Lula está disposto a apoiar os municípios governados pelo PT. Vocês votam no PT aqui e eu vou me empenhar para abrir as torneiras dos recursos em Brasília. Este será nosso acordo". O advogado sustenta na ação que Ideli Salvatti infringiu o artigo 73 da Lei 9.504. Ele representa a coligação que elegeu Alvari Mazzardo (PP) para a prefeitura de Descanso. O resultado das urnas está sendo questionado na Justiça pelo PT, com suspeita de compra de votos. Em reportagem divulgada em uma rádio local, a senadora admite que pediu votos ao candidato de seu partido. "Eu sempre disse nos municípios que visitei durante a campanha que seria a embaixadora junto ao governo federal para a liberação de recursos".  

Deixe seu Comentário

Leia Também

PRIVACIDADE
Descumprir Lei de Proteção de Dados pode gerar punições a partir deste domingo (1)
Internações por Covid-19 seguem estáveis em Dourados
PANDEMIA
Internações por Covid-19 seguem estáveis em Dourados
Projeto fixa regras para perfis em redes sociais de pessoas falecidas
CIÊNCIA, TECNOLOGIA E COMUNICAÇÕES
Projeto fixa regras para perfis em redes sociais de pessoas falecidas
EDUCAÇÃO
Cursos gratuitos capacitarão mulheres em situação de vulnerabilidade
Fóssil de dinossauro é encontrado no interior de SP
GERAL
Fóssil de dinossauro é encontrado no interior de SP
POLÍCIA
Mais um é autuado em três dias por maus tratos ao deixar gado sem alimento
GERAL
Manifestações pelo voto auditável reúnem pessoas e várias capitais
ESPORTE
Em jogo frio, Caxias e Joinville não saem do zero pela Série D
INVESTIGAÇÃO
Exame de corpo de delito no marido de Joice Hasselmann não aponta lesões
POLÍCIA
Polícia Civil cumpre mandado de prisão por pensão alimentícia

Mais Lidas

PONTA PORÃ
Bilhete ao lado de corpo esquartejado indica próximos "alvos" de criminosos
PARAGUAI
Militares executados na fronteira eram sargentos da FTC
PANDEMIA
Dourados vai liberar acesso a estabelecimentos apenas para pessoas vacinadas
PANDEMIA
Homem e mulher são mais recentes vítimas da Covid-19 em Dourados