terça, 18 de junho de 2024
Dourados
24ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

Semy apresenta emenda de R$ 1,2 mi para HR de Paranaíba

04 novembro 2004 - 08h02

Após o investimento de R$ 3,2 milhões, por parte do Governo do Estado, na reforma e compra de equipamentos para o Hospital Regional de Paranaíba, o deputado estadual Semy Ferraz (PT) apresentou, neste 3 de novembro, emenda ao Orçamento Estadual 2005 no valor de R$ 1,2 milhão para aquela casa de saúde. Segundo ele, o objetivo é assegurar parte do custeio do HR, que deve ser reinaugurado em janeiro do próximo ano, já que a reforma está pronta e os equipamentos então sendo entregues. O hospital tem capacidade para 200 leitos e para atender comunidades vizinhas e os municípios de Aparecida do Taboado, Inocência, Cassilândia e Chapadão do Sul.Antes da reinauguração, conforme Semy, é preciso decidir de quem será a administração do HR. Ele defende uma gestão municipalizada, ou seja, que o município seja o gestor do hospital e faça parcerias com os governos estadual e federal para o custeio. Assim, o município poderia arcar com R$ 50 mil mensais, o Estado com R$ 100 mil e a União com R$ 150 mil, resultando em R$ 300 mil por mês, recursos que seriam suficientes para o funcionamento pleno e atendimento a toda a região. “Nossa emenda é para garantir a parcela de contribuição do Estado no custeio do hospital, bem como a ampliação gradativa dos leitos, do espaço físico e a aquisição de equipamentos”, explica.O deputado adianta que pretende realizar uma reunião com o Secretário de Saúde, João Paulo Esteves, e com o prefeito eleito de Paranaíba, Manoel Roberto Ovídio, para discutir a gestão do hospital a partir de 2005. Segundo ele, a saúde é a área mais problemática na cidade e precisa ser urgentemente resolvida, para atender à demanda local e corresponder ao potencial de pólo regional, inclusive do ponto de vista da geração de empregos. “Atualmente, as pessoas precisam pagar por todo tipo de atendimento que procuram na Santa Casa local, sendo que não há um pronto-socorro público na cidade e, nos postos de saúde, o trabalho é lento e insuficiente”, completa.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Jovem é detido por populares após furtar residência na sitioca Campina Verde
DOURADOS

Jovem é detido por populares após furtar residência na sitioca Campina Verde

Como o perfeccionismo pode afetar a Saúde Mental
SAÚDE E BEM-ESTAR

Como o perfeccionismo pode afetar a Saúde Mental

Cão com patas quebradas é resgatado em Dourados; caso é investigado como maus-tratos
BR-163

Cão com patas quebradas é resgatado em Dourados; caso é investigado como maus-tratos

Proposta que trata cobertura pelo plano de saúde de parto de urgência deve ser votada
LEGISLATIVO DE MS

Proposta que trata cobertura pelo plano de saúde de parto de urgência deve ser votada

Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 53 milhões nesta terça-feira
LOTERIA

Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 53 milhões nesta terça-feira

INFORME PUBLICITÁRIO

Salgaderia Fast Food agora tem também deliciosas opções de congelados para sua praticidade

FUNDO ELEITORAL

Partidos vão receber R$ 4,9 bi para campanha nas eleições municipais

ECONOMIA

Abertas inscrições para professor substituto do IFMS em Corumbá

SETE QUEDAS

Vendedor de rodos é executado a tiros após furto em conveniência

EDITAL

Edital de Convocação - Avigrand

Mais Lidas

PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

Missão Caiuá é "desclassificada" pela Sesai e deixará de atender saúde indígena em Dourados

INFORME PUBLICITÁRIO

Escola de Dourados conquista o 1° lugar do estado no Enem e a 2ª melhor colocação do Brasil

DOURADOS

Vereadores visitam famílias em situação de vulnerabilidade em ocupações em áreas de risco 

PERIMETRAL NORTE

Casal é detido após bebedeira e maus-tratos contra bebê em Dourados