segunda, 22 de abril de 2024
Dourados
25ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

Sem-terra “ganham” fazenda de presente

04 setembro 2003 - 07h56

Depois de mais de 10 dias ocupando a fazenda Coimbra 3M em Itaporã cerca de 900 famílias de sem-terra tiveram ontem uma grande surpresa. É que segundo o INCRA eles ganharam uma área de 145,2 hectares de um grupo de empreendedores anônimos que compraram a fazenda Oro Hytê no distrito do Itahum em Dourados e repassaram para o Governo do Estado assentar os sem-terra. O superintendente Estadual do INCRA, Luis Carlos Bonelli, disse que com este gesto fica claro que os setores produtivos do Mato Grosso do Sul estão comprometidos em ajudar a resolver o problema agrário no estado. A fazenda Oro Hytê pertencia ao funcionário público estadual, Carlos Piva que teria negociado a área na noite de terça-feira. Além da terra as famílias que foram assentadas ontem ainda receberam 30 cabeças de gado. Luis Carlos Bonelli, disse que os sem-terra ficarão na área até que possam ser transferidos para um local definitivo. “Sabemos que é pouca terra para muita gente, mas estamos cumprindo o acordo feito com os agricultores”, disse o superintendente do INCRA sem revelar quais foram os doadores da área. Os sem-terra começaram a desmontar o acampamento na fazenda Coimbra 3M na noite de terça-feira e algumas famílias já desmontaram seus barracos e foram colocando em cima do único caminhão que tinha no local. Ontem foram contratados mais de 40 caminhões e foram necessárias cerca de 12o viagens para levar todos os pertences dos acampados. Também foram utilizados cerca de 100 automóveis e várias motocicletas. A tropa de choque da Polícia Militar foi deslocada de Campo Grande e militares de Dourados, Jardim e Aquidauana também participaram da ação, mas não foi preciso a intervenção da força policial. A nova área foi apresentada aos líderes do MST pelo representante da secretaria de Desenvolvimento Agrário, Jair Terra. Depois de cortarem a cerca da propriedade a primeira providencia dos sem-terra foi entrarem na área com a bandeira do MST. O local não tem qualquer infra-estrutura e a terra é utilizada para a criação de gado. O acesso para a fazenda é bastante ruim e passa por dentro de uma propriedade rural. O dono da fazenda Volnei Beutinger ficou visivelmente constrangido com os novos “vizinhos”. Jair Terra, disse que uma nova estrada deverá ser construída para melhorar o acesso dos sem-terra. Na região existe uma escola municipal que possui uma sala de aula onde estudam apenas quatro alunos e uma professora contratada pela prefeitura de Dourados trabalha no local. Os lideres do MST disseram que continuarão negociando com o Governo do Estado para conseguirem uma área definitiva para o assentamento das famílias. Depois da desocupação total da área os oficiais de Justiça de Itaporã, Altair Lara Maciel e Leonildo Correia, irão formalizar o Ato de Reintegração de Posse depois de uma vistoria acompanhada da proprietária da área. Os proprietários rurais que estavam acampados nas proximidades da área invadida acompanharam a saída dos sem-terra sem nenhuma movimentação ou manifesto. (Antonio Coca)   

Deixe seu Comentário

Leia Também

Indígenas prometem seguir lutando por demarcação de terras
POLÍTICA

Indígenas prometem seguir lutando por demarcação de terras

MUNDO NOVO

Mestrado em Biodiversidade e Sustentabilidade Ambiental abre inscrições

ECONOMIA

Não houve invasão externa em sistema do Tesouro, diz Haddad

COTAÇÃO

Dólar cai para R$ 5,16 à espera de dados nos Estados Unidos

Ministra mantém indenização de Deltan a Lula por caso de powerpoint
JUSTIÇA

Ministra mantém indenização de Deltan a Lula por caso de powerpoint

CAMPO GRANDE 

Homem que atropelou e matou esposa é liberado após audiência de custódia 

COTAÇÃO

Agronegócio fecha a segunda-feira com reduções nos preços em Dourados

QUATRO ANOS

Detento que cavou buraco em canil para fugir da PED é preso em Goiás 

RODOVIA ESTADUAL 

Homem é preso transportando 700 pacotes de cigarros contrabandeados

REFERÊNCIA

Voucher Transportador já atendeu quase mil motoristas e pode ampliar vagas

Mais Lidas

CAMPEONATO ESTADUAL

Operário domina partida, vence o DAC por 3 a 1 e conquista o título Estadual

DOURADOS

Jovem morre a caminho de hospital após ser atingido por facada no abdômen

CAPITAL

Trabalhadores que faziam serviço tapa-buraco são atropelados

FUTEBOL

Sem o título, Dourados perde ainda duas vagas para competições nacionais