Menu
Busca domingo, 13 de junho de 2021
(67) 99257-3397

Sem-terra fizeram 38 reféns na fazenda Teijin

13 junho 2006 - 10h28

Cerca de mil famílias ligadas ao Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e à Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetagri) ocuparam a fazenda Teijin, de 28,5 mil hectares, em Nova Andradina. Estão sendo mantidos como reféns 38 pessoas, entre funcionários e o dono da fazenda Shygeak Hayash, 54 anos.Os reféns estão sob domínio dos sem-terra desde as 6 horas de ontem. O acesso à propriedade foi bloqueado pelos agricultores. Segundo líderes dos dois movimentos, não há previsão para a liberação dos empregados e do desbloqueio dos acessos ao local. Os invadores também confinaram 10 mil bovinos em um cercado de 100 hectares e prometem deixá-los sem água e alimentação até a solução da questão judicial entre os proprietários e o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). Na terça-feira da semana passada, o Tribunal Regional Federal (TRF) da 3.ª Região determinou a suspensão do processo de demarcação e desapropriação do imóvel.Uma semana antes da decisão judicial, o Incra marcara o dia - que seria sábado passado - da distribuição de terrenos para as 1.067 famílias. Elas estavam acampadas na estrada que passa em frente à fazenda desde 2004. Recentemente, obtiveram na Justiça licença para acampar dentro do imóvel.Desde 2004, os sem-terra vêm construindo poços artesianos e grande parte da estrutura formada para as moradias das famílias. Tanto o MST quando a Fetagri condenam a decisão do TRF em favor do Grupo Agropecuário Teijin, dono da fazenda. Os sem-terra alegam que a área foi declarada improdutiva pela perícia judicial determinada pela Justiça Federal há seis anos.Em setembro de 2005, a defesa do Grupo Teijin protocolou recurso, julgado no dia 6. Em decisão unânime, a segunda turma concedeu a medida liminar para sustação do processo até a apreciação de tutela antecipada, formulada em recurso na ação principal. As informações são do site MS Noticias.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL: Mortes por covid-19 somam 487,4 mil e casos chegam a 17,4 milhões
PANDEMIA
BRASIL: Mortes por covid-19 somam 487,4 mil e casos chegam a 17,4 milhões
Athletico Paranaense ganha do Grêmio em Porto Alegre e segue 100%
ESPORTE
Athletico Paranaense ganha do Grêmio em Porto Alegre e segue 100%
G7 promete doar 1 bilhão de vacinas contra a covid-19 até 2022
INTERNACIONAL
G7 promete doar 1 bilhão de vacinas contra a covid-19 até 2022
Com 52% dos votos, Vanda Camilo é eleita prefeita de Sidrolândia
ELEIÇÃO SUPLEMENTAR
Com 52% dos votos, Vanda Camilo é eleita prefeita de Sidrolândia
Judô: Brasil bate Rússia e fatura o bronze por equipes no Mundial
ESPORTE
Judô: Brasil bate Rússia e fatura o bronze por equipes no Mundial
ESPORTE
Brasil fecha o Pan de ginástica de trampolim com mais dois ouros
LEITOS UTI COVID
Covid-19: Dourados transfere mais 2 pacientes para SP
CAMPO GRANDE
Pelo segundo ano consecutivo, bolo de 'santo casamenteiro' é vendido em pote e por drive-thru
COVID-19
Fila por leitos de UTI Covid volta a crescer em Dourados
PESQUISA
Primeira infância: família de classe D sofre mais impacto na pandemia

Mais Lidas

FLEXIBILIZAÇÃO
Decreto que libera atividades comerciais a partir de domingo é publicado
EMOCIONATE
VIDEO: Recuperada da Covid-19, douradense é recebida pela mãe em Rondônia
LOCKDOWN
Decreto flexibiliza atendimento via delivery no Dia dos Namorados em Dourados
LOCKDOWN
Fiscalização encontra funcionários dentro de filial das Casas Bahia em Dourados