Menu
Busca quinta, 06 de maio de 2021
(67) 99257-3397

São Paulo: Promotor sugere clássicos de uma só torcida

21 setembro 2004 - 23h17

A morte do são-paulino André Silva Feliciano, no domingo, a segunda envolvendo torcedores este ano, pode provocar uma medida radical no futebol paulista. O promotor público Fernando Capez propôs nesta terça-feira à Federação Paulista de Futebol que, em clássicos na cidade de São Paulo, envolvendo Corinthians, Palmeiras e São Paulo, seja permitido o acesso apenas da torcida do clube mandante. Não seria uma medida inovadora no futebol. Procedimento semelhante foi aplicado na Copa Libertadores deste ano, na Argentina. No jogo de volta da fase semifinal entre Boca Juniors e River Plate, no dia 17 de junho, apenas os torcedores do River Plate puderam entrar no Estádio Monumental, diante da séria ameaça de um choque entre torcidas. Poucos incidentes foram registrados. Embora entenda que a morte de André, ocorrida no cruzamento da avenida do Estado com Tiradentes, após o clássico entre São Paulo e Corinthians, domingo, no Morumbi, não envolva diretamente as torcidas organizadas, Capez acha que é necessária uma medida rápida, dura e radical. "Não é o que quero, mas temos de fazer algo. Jogo de uma só torcida diminui os riscos de confronto entre torcidas rivais na cidade. Se isso não der certo, os jogos terão de ser com portões fechados", opinou o promotor. Capez conversou nesta terça-feira com o presidente da Federação Paulista de Futebol, Marco Polo del Nero, que prometeu encaminhar a sugestão à CBF, entidade promotora do Campeonato Brasileiro. "É o que podemos fazer no momento", disse Del Nero. No Campeonato Paulista, porém, os clássicos com uma única torcida poderão ser colocados em prática. Del Nero lembra que medida semelhante já existe no futebol paulista. "Há uma resolução vigente que proíbe a torcida da Ponte Preta no estádio do Paulista e vice-versa, devido a problemas entre as duas torcidas", informou. "A segurança é uma questão importante. Se o Ministério Público e a Polícia Militar fizerem sugestões semelhantes, a tendência é de a Federação Paulista de Futebol acatar as determinações." O tema, reconhece o presidente, é polêmico e vem sendo estudado pela FPF. "Há um dado interessante. Santos e Guarani levaram 23 mil torcedores pagantes ao Pacaembu. No jogo seguinte do Santos, um clássico contra o Corinthians, o público foi de 12 mil pagantes. É uma coisa para nós pensarmos", disse o dirigente, que admite formar comissões para estudar o assunto. Em relação às torcidas organizadas, Capez e Del Nero fizeram elogios às lideranças. "Houve uma revitalização das torcidas organizadas. Eles se cadastraram, mas o problema ocorre fora dos estádios. É uma violência que não está apenas no futebol, mas em toda a sociedade", ponderou o promotor. Capez foi além. Acredita que a morte de André, atingido por uma bala disparada contra o ônibus da Torcida Independente, de Guarulhos, foi uma obra de bandidos. "Quem carrega uma arma não é torcida; é bandido, marginal. O mesmo bandido que rouba bancos seqüestra e que também gosta de futebol", comentou o promotor. Outro fator que fortalece a tese do promotor é que os incidentes ocorrem quase sempre na periferia. "São gangues de periferia. Não são necessariamente membros de uma torcida organizada. São bandidos que se infiltram. A principal dificuldade é que se trata de um inimigo invisível, que você não sabe quem é, quando vai atacar e que faz parte de uma sociedade violenta como a nossa. Infelizmente, vivemos em uma sociedade violenta", lamentou Capez.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TEMPO
Quinta-feira de sol com aumento de nebulosidade em Dourados
Homem é preso com caminhonete e pistola na MS-164 logo após assalto
POLÍTICA
Senado Federal aprova penas mais duras contra crimes cibernéticos
APARECIDA DO TABOADO
Homem é esfaqueado ao tentar impedir mulher de sair para comprar drogas
IMUNIZANTE
Mais 628 mil vacinas da Pfizer chegam ao Brasil nesta quarta-feira
RIBAS DO RIO PARDO
Detetive particular já condenado é preso por dirigir embriagado após acidente
JUDICIÁRIO
Justiça Federal absolve ex-presidente Temer de envolvimento em 'quadrilhão'
COXIM
Homem agride filho e nora de vereador, quebra viatura e danifica loja
SELEÇÃO
Ibama é autorizado a contratar 1,6 mil funcionários temporários
NAVIRAÍ
Ambiental apreende armadilha de caça de animais silvestres de grande porte 

Mais Lidas

PANDEMIA
Decreto reduz toque de recolher em Dourados na semana do Dia das Mães
DOURADOS
Pancadaria em motel termina na delegacia com três pessoas detidas
REGIÃO
Mãe e filha são executadas em locais diferentes na fronteira
PONTA PORÃ
Vítima de execução na fronteira registrou boletim de ocorrência contra o namorado