Menu
Busca segunda, 02 de agosto de 2021
(67) 99257-3397

São Caetano vence o Paysandú e se mantém na briga

17 outubro 2004 - 18h31

O São Caetano jogou como gosta e venceu o Paysandu hoje à tarde num confronto com poucas oportunidades de gol.O Azulão foi mais eficiente e venceu por 3 a 0. O placar mantém o time do ABC na luta por uma das vagas à Copa Libertadores e aproxima os paraenses, que não vencem há quatro jogos, das últimas colocações. Como as duas equipes encontraram grandes dificuldades para encaixar as jogadas ofensivas, as principais oportunidades surgiram nas cobranças de falta. Contando com a precisão de Ânderson Lima, o time da casa saiu na frente com dois gols de bola parada. Fernando Baiano entrou no segundo tempo e marcou o terceiro. Com este resultado, o São Caetano chega aos 62 pontos e permanece na quarta colocação. Já o Paysandu fica com os mesmos 43 pontos ganhos, no 15º lugar. Os dois times jogam em casa na próxima rodada. O Azulão enfrenta o Fluminense e o Papão encara o Goiás. O jogoSão Caetano e Paysandu protagonizaram um jogo sonolento até os 30 minutos do primeiro tempo, quando Euller recebeu na intermediária e rolou para Mineiro.O volante tentou girar em cima de Jairo e sofreu falta. Ânderson Lima bateu no canto direito de Paulo Musse e espantou o tédio. O Azulão cresceu depois do gol e manteve o Papão acuando em seu campo de defesa. No entanto, o time do ABC não conseguia encaixar as jogadas de ataque. Por isso, a equipe só levava perigo nas cobranças de falta de Ânderson Lima. Aos 38, um mais uma jogada de bola parada, o lateral obrigou o goleiro Paulo Musse a ceder o escanteio. O atacante Fernando Baiano substituiu Euller no intervalo e quase aumentou a vantagem do São Caetano logo aos três minutos. Ele recebeu cruzamento vindo da direita e completou na entrada da pequena área. A bola passou raspando a trave esquerda do goleiro Paulo Musse. O Paysandu também voltou diferente para a etapa complementar. Vendo seu time em desvantagem no placar, o técnico Adilson Batista resolveu colocar Borges e Lecheva nos lugares de Jóbson e Adrianinho, respectivamente. Aos 28, Dininho e Serginho se atrapalharam e Borges bateu com perigo da entrada da área. Ânderson Lima continuou dando trabalho nas cobranças de falta e aumentou aos 31. Fabrício Carvalho recebeu de costas para a marcação e foi derrubado. O juiz marcou e o camisa 2 colocou no ângulo esquerdo de Paulo Musse. Dois minutos antes do final, Fabrício Carvalho recebeu dentro da área e ajeitou para Fernando Baiano, que completou para o fundo das redes e definiu o resultado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

POTÁVEL
Bolsonaro lança programa que levará água a escolas do Nordeste
Cinco são presos com produtos químicos que seriam levados para Bolívia
Cinco são presos com produtos químicos que seriam levados para Bolívia
UEMS
Últimos dias de inscrição para Especialização em Direito Difusos e Coletivos
PARANAÍBA
Dono de ferro velho é preso por receptação com 80 metros de trilhos
Câmara de Dourados aprova 22 projetos de lei em sessão ordinária 
POLÍTICA
Câmara de Dourados aprova 22 projetos de lei em sessão ordinária 
BONITO
Polícia prende traficante e batedor com 380 quilos de maconha e skunk
TJ/MS
Provas do concurso para cartórios extrajudiciais serão realizadas no dia 22
Criança com crises convulsivas no Pantanal é socorrida por avião
NÚMEROS DA PANDEMIA
Média móvel de mortes por Covid no Brasil fica abaixo de mil pelo 3º dia
GUIA LOPES
Empresário de 32 anos é encontrado morto na frente da residência

Mais Lidas

SP
Homem leva menina de 15 anos ao hospital e diz que ela morreu após sexo; polícia investiga
POLÍCIA
Jovem é agredida durante assalto em Dourados
PANDEMIA
Homem e mulher são mais recentes vítimas da Covid-19 em Dourados
PANDEMIA
Jovem de 21 anos e sem comorbidades é vítima do coronavírus em MS