Menu
Busca quarta, 05 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Santos: Ganso é liberado para começar a treinar com bola

04 fevereiro 2011 - 16h12

Enfim, cinco meses após sofrer grave lesão no joelho esquerdo, o meia Paulo Henrique Ganso, do Santos, se reencontra com a bola. Na quinta-feira, o jogador passou por reavaliação com o médico ortopedista José Ricardo Pécora, responsável por sua cirurgia. O craque está liberado para iniciar trabalhos de recuperação física no gramado e treinamentos com bola, ainda individualmente. Essas novas atividades já se iniciam nesta sexta à tarde.
O médico santista Maurício Zenaide afirma que o tratamento do camisa 10 está seguindo o cronograma estabelecido. Não há pressa para se queimar etapa. Ele explica que, apesar de a musculatura da perna do jogador estar totalmente recuperada, há um tempo para a adaptação biológica do enxerto que substituiu o ligamento rompido. Por isso, o protocolo precisa ser seguido à risca.

- Além da avaliação de ontem (quarta-feira), o Ganso também havia passado por um teste isocinético, que avalia força, potência e resistência muscular. A musculatura da perna operada já está totalmente restabelecida, o que é extremamente importante. Porém, ainda precisamos aguardar o tempo de maturação biológica do enxerto que substituiu o ligamento, que normalmente é de seis meses. Por isso, esta nova fase da recuperação será feita de forma gradativa e individualizada - explicou Zenaide, em entrevista ao site oficial do clube.

A cirurgia de Ganso completa seis meses no último dia de fevereiro. A partir daí, ele deverá estar liberado para os treinos normais. Nessa nova fase, o meia será avaliado semanalmente por José Ricardo Pécora. Com isso, a intensidade dos exercícios físicos e técnicos poderá ser aumentada progressivamente de forma segura.

- Além das novas atividades em campo, continuaremos com as sessões de fisioterapia e fortalecimento muscular no Cepraf (Centro de Excelência em Prevenção e Recuperação de Atletas de Futebol). Este trabalho é feito desde dois dias depois da cirurgia e tem sido bem sucedido. Prova disso foi o resultado do teste isoscinético, no qual o Ganso teve aproveitamento equivalente a qualquer atleta do grupo - contou o fisioterapeuta do Peixe, Avelino Buongermino.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SELEÇÃO
Ibama é autorizado a contratar 1,6 mil funcionários temporários
Ambiental apreende armadilha de caça de animais silvestres de grande porte 
NAVIRAÍ
Ambiental apreende armadilha de caça de animais silvestres de grande porte 
BRASIL
Bolsonaro veta prorrogação para entrega de declaração do Imposto de Renda
Dupla é presa arremessando vodca, uísque e carne para dentro de presídio
Trabalhadores da educação, transporte e limpeza com 55 anos já podem se vacinar
IMUNIZAÇÃO
Trabalhadores da educação, transporte e limpeza com 55 anos já podem se vacinar
CAPITAL
Técnica em enfermagem denuncia colega por falsificar declaração de vacina
AVANÇO DA PANDEMIA
Brasil registra mais 2.791 mortes por Covid; média móvel aponta estabilidade
PONTA PORÃ
PMR recupera caminhonete roubada e apreende arma de fogo
SENADO
CPI da Covid convoca Ernesto Araújo, Wajngarten e representantes de vacinas
CAPITAL
Professor é preso acusado de estuprar cinco alunas em lar beneficente

Mais Lidas

INVESTIGAÇÃO
Homem é preso suspeito de estuprar quatro sobrinhas em Dourados
DOURADOS
Fumaça em estrada causa colisão entre caminhões e leva transtorno a moradores; vídeo
PANDEMIA
Decreto reduz toque de recolher em Dourados na semana do Dia das Mães
REGIÃO
Mãe e filha são executadas em locais diferentes na fronteira