Menu
Busca quarta, 12 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Sanesul adquire sede própria depois de 32 anos de existência

17 fevereiro 2011 - 13h39

A Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul) adquiriu um prédio para a instalação da sede administrativa em Campo Grande. A negociação durou três meses e chegou ao fim esta semana. A escritura do imóvel foi assinada no dia 15 de fevereiro (terça-feira) pelos diretores José Carlos Barbosa (Presidência) Victor Dib Yazbek Filho (Técnica e Comercial) e Manoel Gomes (Administração e Finanças). A Sanesul existe há 32 anos e, desde sua criação, sempre usou prédios alugados para abrigar a sede administrativa.

A empresa pagará R$ 8 milhões, parcelados, pelo imóvel. O prédio adquirido é a antiga escola Avant Garde, que possui 7 mil m² e está localizada próximo aos altos da Avenida Afonso Pena, na rua Dr. Zerbini, 421, bairro Cachoeira. Antes de proceder à aquisição, a empresa realizou uma pesquisa de mercado e negociou com o proprietário para obter o melhor preço. O prédio havia sido avaliado pela Câmara de Valores Imobiliários em R$ 15 milhões e foi comprado 47% mais barato do que a avaliação inicial. Após a mudança para o novo prédio, a Sanesul deixará de gastar com o aluguel do prédio e dos anexos em que mantém a estrutura administrativa na Capital.

Segundo o presidente da Sanesul, José Carlos Barbosa, a aquisição só foi possível depois que outras conquistas, prioritárias, foram alcançadas. Ele cita como exemplo a implantação do PECS (Plano de Empregos, Carreiras e Salários) que garantiu progressão na carreira aos empregados, além de remuneração e reajustes adequados.
Além disso, cita José Carlos, a empresa já adquiriu novos equipamentos, modernizando o parque de máquinas, a frota de veículos foi renovada e há recursos disponíveis para obras em todas as cidades atendidas pela empresa.
"A aquisição de uma nova sede confirma um ciclo de crescimento e desenvolvimento que está preparando a Sanesul para o futuro. Com as contas em dia, conseguimos investir mais na empresa, garantir obras, comprar novos equipamentos e melhorar as condições de trabalho e da carreira dos empregados. Agora, com a nova sede administrativa, a empresa terá um local mais adequado para os trabalhos e espaço para evoluir. Quando a Sanesul cresce, o saneamento em Mato Grosso do Sul aumenta e leva mais qualidade de vida para quem vive aqui", explica José Carlos.

A empresa decidiu adquirir o prédio devido ao baixo custo e as vantagens sobre a construção de uma nova sede. Segundo o diretor-técnico, Victor Dib Yazbek Filho, a economia estimada entre a construção e a aquisição do prédio é de cerca de R$ 4 milhões. "Estávamos trabalhando para construir uma nova sede em Campo Grande. Mas, para concluir a obra, levaríamos cerca de dois anos. Com esse prédio, nós vamos ]fazer a mudança em menos tempo e com economia de ecursos. Vamos atender uma necessidade antiga da empresa", diz Victor.

Para o diretor de administração e finanças, Manoel Gomes, a nova sede vai dar aos funcionários melhores condições de trabalho. Atualmente, o prédio localizado na rua Euclides da Cunha, não suporta mais a estrutura necessária para a empresa. "Temos um quadro bastante enxuto, mas novos empregados foram chamados para o trabalho e não há espaço físico. Em vez de alugar novos prédios, e assumir uma dívida, preparar um espaço para ser nosso é a melhor opção", explica.

A mudança ainda não tem data definida. A nova sede passará por uma adaptação na estrutura elétrica e de informática para receber os empregados.


História da Sanesul

Desde a criação da Sanesul, em 1979, a sede administrativa ocupou três prédios em Campo Grande, todos alugados. Os dois primeiros, na rua do Catete e na rua Bahia, abrigavam departamentos separados até 1980. Em seguida, a Sanesul, com o objetivo de reunir todos os empregados no mesmo espaço, mudou-se para a sede atual na Rua Euclides da Cunha. Atualmente, a Sanesul atende a 121 localidades, sendo 68 municípios e 53 distritos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASILÂNDIA
Jovem de 23 anos destrói recepção de hospital durante surto
BRASÍLIA
Secretário Mario Frias é submetido a cateterismo de emergência
TRÊS LAGOAS
Homem que matou cantor a tiros em tabacaria é condenado a 46 anos
BRASIL
Câmara aprova projeto que pode restringir atuação da oposição
Homem contrai dívida de R$ 32 mil ao fazer portabilidade de empréstimo
BENEFÍCIO
Cultura prorroga prazo para entrega de documentação do FIC
POLÍCIA
Condutor de lancha envolvida em acidente com morte presta depoimento
EDUCAÇÃO
Metas do Inep para o ano não incluem aplicação do Enem 2021
IVINHEMA
Três dias depois de ser envenenada pela mãe, criança recebe alta
FERIADO
Comarca de Angélica não terá expediente amanhã e sexta-feira

Mais Lidas

PANDEMIA
Levado pela Covid-19, "João da União" deixa legado para família e em Dourados
INDÁPOLIS
'Frio' e com roupa ainda suja de sangue, assassino de tio não mostrou arrependimento ao ser preso
DOURADOS
Homem morre no HV após acidente com condutor que empinava moto
PANDEMIA
Novo decreto mantém toque de recolher às 21h e autoriza abertura de cinema em Dourados