Menu
Busca quinta, 21 de outubro de 2021
(67) 99257-3397

Saiba quais os rios em que a pesca é proibida em MS

05 abril 2008 - 06h59

Alguns rios de Mato Grosso do Sul têm pesca de qualquer natureza proibida permanentemente, a saber: rio Salobra, entre os municípios de Miranda e Bodoquena (neste rio a navegação é permitida somente com motor de quatro tempos, de potência de até 15 hp); Córrego Azul, no município de Bodoquena; rio da Prata, nos municípios de Bonito e Jardim; rio Formoso, no município de Bonito; rio Nioaque, nos municípios de Nioaque e Anastácio. É proibida também a pesca em trechos de 200 metros acima e abaixo de barragens, corredeiras, cachoeiras, escadas de peixes e embocaduras das baías.
Em outros rios é permitida somente a modalidade pesque e solte, a saber: rio Negro, córrego Lageado, próximo à cidade de Rio Negro, até o limite oeste da fazenda Fazendinha, no município de Aquidauana, além de toda extensão dos rios Perdido, Abobral e Vermelho.
Licença ambiental
Os pescadores amadores (turistas) que forem aproveitar o fim de semana para pescar nos rios do Estado não devem esquecer de tirar a licença de pesca.
A autorização ambiental é individual, tem validade trimestral ou anual, é obrigatória para pesca embarcada ou desembarcada (em barrancos dos rios) e pode ser adquirida nas agências do Banco do Brasil, apresentando o CPF e RG, ou pelo site http://www.semac.ms.gov.br.
Os pescadores devem obedecer à cota de pescado permitida no Estado, conforme a seguir: piraputanga, 30 cm; curimbatá e piavuçu, 38 cm; pacu, 45 cm; dourado, 65 cm; barbado, 60 cm; pintado, 85 cm, cachara, 80 cm; jaú, 95 cm. A cota permitida por pescador licenciado é de 10 quilos, mais um exemplar de qualquer espécie e cinco exemplares de piranha.

 

 
É proibida a utilização de rede, tarrafa, espinhel, cercado, covo, pari, fisga, gancho; garatéia pelo processo de lambada e substâncias explosivas ou tóxicas; equipamento sonoro, elétrico ou luminoso; anzol de galho.

 

 
Após a pescaria, o turista deve passar em um posto da Polícia Militar Ambiental (PMA) para preenchimento da guia de controle, que comprova a origem e permite o transporte do pescado

em Mato Grosso do Sul e em outros Estados. “A licença e a guia de controle permitirão à PMA avaliar o controle da pesca e dos recursos naturais em todo o Estado, além de informar sobre o comportamento e os destinos dos turistas”, garante o tenente Darci Caetano dos Santos.
 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Dourados continua imunização nesta sexta-feira com aplicação de dose 1, 2 e 3
IMUNIZAÇÃO
Dourados continua imunização nesta sexta-feira com aplicação de dose 1, 2 e 3
Jovem é preso por assassinato e confessa ter matado por dívida de R$ 10
CAPITAL
Jovem é preso por assassinato e confessa ter matado por dívida de R$ 10
Comissão promove seminário sobre combate a crimes cibernéticos
TECNOLOGIA
Comissão promove seminário sobre combate a crimes cibernéticos
Menor de Idade pode obter Certificação Digital?
NEGÓCIOS E CIA
Menor de Idade pode obter Certificação Digital?
Projeto prevê R$ 76,4 bilhões para o Auxílio Brasil até 2023
ECONOMIA
Projeto prevê R$ 76,4 bilhões para o Auxílio Brasil até 2023
DOURADOS
Delegado do SIG é homenageado com medalha Adib Massad
TRÊS LAGOAS
Contido por populares, homem é preso por furtar cabos elétricos
SOLIDARIEDADE
Douradense faz rifa para encontrar mãe que está internada em estado grave em Portugal
DOURADOS
Assaltantes de motel chegaram de bicicleta e usaram o carro para levar as TV's
IVINHEMA
Enquanto mãe trabalhava, adolescente pega moto escondido e é apreendido

Mais Lidas

CAPTURA
Cobra é capturada em para-choque de carro na região central de Dourados
JARDIM MÁRCIA
Bandidos fazem "limpa" em motel de Dourados e levam até carro
REGIÃO
Duas pessoas morrem carbonizadas após queda de helicóptero carregado com cocaína
DOURADOS
Entreposto que tinha até pé de maconha é fechado e trio preso pela polícia