Menu
Busca sexta, 29 de maio de 2020
(67) 99659-5905

Ronaldo e Roberto Carlos retomam parceria contra Bragantino

20 janeiro 2010 - 11h43

Ronaldo e Roberto Carlos estão juntos de novo. Três anos e um mês depois de atuarem pelo Real Madrid pela última vez como companheiros, os dois campeões mundiais pela seleção reeditam a parceria pelo Corinthians em noite de muitas estreias. O duelo diante do Bragantino, às 20h50 desta quarta-feira, no Pacaembu, será o primeiro de Roberto Carlos com a camisa alvinegra e o primeiro de Ronaldo e Jorge Henrique nesta temporada.

A expectativa é grande. E nem poderia ser diferente. Ronaldo é a grande esperança de gols do Corinthians e o principal jogador do elenco. Roberto Carlos foi o maior reforço de 2010. Sozinhos, eles já atraem milhares de torcedores, patrocinadores e costumam render bons resultados. Juntos, veem o otimismo se multiplicar.

“O fato de voltar a jogar com o Roberto é uma alegria enorme. Ele é um grande amigo e temos uma história longa, sem contar o fator mais importante, que é a qualidade que ele tem técnica e fisicamente. Sua contratação será um grande êxito”, apostou o camisa 9, responsável por indicar o amigo para diretoria e comissão técnica.

Ronaldo e Roberto Carlos não atuam juntos profissionalmente há mais de três anos. A última vez foi no dia 20 de dezembro de 2006, pelo Real Madrid. Eles perderam por 3 a 0 para o Recreativo Huelva pelo Campeonato Espanhol. Nesse jogo, o atacante não conseguiu estufar as redes e foi substituído aos 20 minutos do segundo tempo por Reyes.

Dias depois, o lateral-esquerdo se machucou e viu o compatriota Marcelo estrear em seu lugar no Real. Ronaldo, por sua vez, acertou sua transferência para o Milan em janeiro de 2007. Os fatos marcaram o fim momentâneo da parceria, que agora recomeça pelo Corinthians.

“Sempre é especial. Desde que o Ronaldo saiu do Cruzeiro [em 1994] e passamos a conviver na seleção, vi toda a carreira dele. Devo muito a ele. Mesmo quando estávamos em clubes diferentes, conversávamos todo dia trocando opiniões por telefone. Estou muito orgulhoso de jogar no Corinthians com um dos meus melhores amigos”, comemorou Roberto Carlos.

As duas estrelas, no entanto, sabem que só os nomes famosos não bastarão para satisfazer a torcida, principalmente no ano do centenário. A Libertadores é a prioridade e ninguém no clube esconde, mas após o empate na estreia do Paulista (1 a 1 com o Monte Azul), o Corinthians já se vê pressionado a vencer a primeira em casa (já foram vendidos 19,5 mil ingressos para o jogo).

Por esse motivo e observando a evolução física de seus comandados, Mano Menezes também promoverá as entradas de Elias e Jorge Henrique. O primeiro foi reserva no amistoso diante do Huracán. O atacante ainda não entrou em campo. Tcheco e Iarley, que estrearam no último domingo, foram mantidos.

“As coisas começaram a caminhar da forma como a gente precisa. Tudo requer um certo tempo, mas vai dar tudo certo”, projetou o treinador.

Pelos lados do Bragantino, Marcelo Veiga também não fez mistério e usará o mesmo time que goleou o Oeste por 4 a 0 na primeira rodada. Ala-direito, Diego Macedo está atento à missão de tentar anular Roberto Carlos. “Ele é certamente um dos maiores da história na lateral esquerda e vai exigir muita atenção e marcação”, admitiu.

iniciaCorpo("12;11;14;12;16;13;18;14");

Deixe seu Comentário

Leia Também

LUTO
Morre aos 63 anos o jornalista Gilberto Dimenstein em São Paulo
CLIMA
Mato Grosso do Sul em alerta para tempo seco e baixa umidade relativa do ar
CAMPO GRANDE
Homem condenado a 6 anos por roubo é preso
PANDEMIA
Com crescente número de coronavírus em MS, Dourados ultrapassa 230 casos
DOURADOS
Morte de idosa no HU é descartada para Covid-19
MARACAJU
Veículo com mais de 350 kg de maconha é apreendido seguindo para a Bahia
DOURADOS
Morador faz monitoramento aéreo e ajuda combater a dengue no bairro onde reside
DOURADOS
Prefeitura detalha ter empenhado R$ 5,1 milhões para despesas com o novo coronavírus
TRÁFICO
Polícia encontra mais de 600kg de maconha e skunk em MS
SAÚDE PÚBLICA
Número de doadoras de leite materno em MS cai durante a pandemia

Mais Lidas

PANDEMIA
Dourados é "campeã" de casos de coronavírus em MS pelo 3º dia consecutivo
TRÁFICO
Servidor da Sesai usava veículo oficial para trazer maconha do Paraguai
COVID-19
Curva segue ascendente e Dourados ultrapassa 200 casos de coronavírus
DOURADOS
Após brigar com a ex e decidir dormir na rua, homem é assaltado e agredido