Menu
Busca quarta, 08 de julho de 2020
(67) 99659-5905

Restauração do Santo Sudário causa polêmica

10 agosto 2002 - 09h46


Os últimos trabalhos de restauração do Santo Sudário, uma das relíquias mais importantes do cristianismo, deram início a uma grande polêmica por causa da retirada de alguns remendos que foram feitos durante a época medieval.
O trabalho foi feito, entre junho e julho, por uma equipe liderada pela especialista suíça Mechtild Flury-Lemberg e com a autorização da diocese de Turim, no norte da Itália. O Santo Sudário é o pano que, diz a tradição, envolveu o corpo sem vida de Jesus. Ele é conservado na catedral de Turim.
Agora vários especialistas criticaram o reparo, pois afirmam que a relíquia sofreu uma grande modificação em relação a seu estado original. A maior reclamação é proveniente da retirada de 30 remendos triangulares que foram costurados pelas Clarissas de Chambery (França) depois do incêndio que danificou a mortalha, em 1532. O trabalho feito recentemente pela especialista também incluiu a retirada do chamado "tecido da Holanda", que foi costurado ao sudário para favorecer sua conservação.
No entanto, um porta-voz do cardeal Severino Poletto, bispo de Turim e protetor do Sudário, afirmou que a restauração contou com a autorização da Santa Sé e foi feita seguindo as indicações dos maiores especialistas mundiais em Sindologia. A mesma fonte afirmou que os resultados das últimas pesquisas científicas feitas sobre a relíquia, levada temporariamente para a sacristia da catedral, serão divulgados em setembro.
O Vaticano nunca aceitou como definitivos os resultados dos testes de carbono-14, feitos por vários laboratórios em 1989, que concluíram que a mortalha data da Idade Média, entre os anos 1260 e 1390. O Santo Sudário é um pano de 1,36 metros de comprimento por 1,10 de largura, com marcas de cor sépia que desenham, em negativo, uma silhueta humana de tamanho natural e que teria coberto o rosto de Cristo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Com eleição adiada, TSE é consultado sobre prazo de Ficha Limpa
RIO AQUIDAUANA
Ambiental multa homem em mais de R$ 5 mil por degradar mata ciliares
ASSEMBLEIA DE MS
Aprovado direito de incluir nome do cônjuge em faturas
CAMPO GRANDE
Hemosul realiza testagens laboratoriais de resultados do Covid-19, porém sem coletas no local
PANDEMIA
Bodoquena, Bela Vista e Terenos solicitam reconhecimento de calamidade pública
BRASIL
Mais de 200 mil candidatos se inscreveram no primeiro dia de abertura do Sisu
BRASIL
Senado aprova convite a Mourão para debater Conselho da Amazônia
CAMPO GRANDE
Na Capital, anta é resgatada após cair em piscina de chácara
DOURADOS
Dono encontra carro que havia locado “depenado” em barracão
ECONOMIA
Dólar fecha em alta com cautela externa por coronavírus

Mais Lidas

DOURADOS
Antes do crime, homem que matou secretário havia sido demitido por não usar máscara
DOURADOS
Acusado de matar secretário em Dourados acaba preso em barreira sanitária
DOURADOS
Carro que atingiu ciclista pega fogo após bater em árvore ao lado de Avenida
DOURADOS
Adolescente pilota moto embriagado e tio morre após queda na Coronel Ponciano