Menu
Busca segunda, 18 de janeiro de 2021
(67) 99659-5905

Regulamentada lei que institui Certidão Negativa do Procon

21 outubro 2003 - 12h43

Poucas pessoas têm conhecimento, mas desde o dia 6 deste mês o interessado em requerer Certidão Negativa de Violação dos Direitos do Consumidor (CNVDC) não precisa mais se deslocar até Campo Grande. O documento pode ser requerido junto ao Procon de Dourados, que é o órgão municipal de defesa do consumidor. Isto, graças à Lei nº 2577, de autoria do vereador José Carlos Cimatti (PFL), sancionada pelo prefeito Laerte Tetila (PT) em 16 de junho deste ano e regulamentada através do decreto 2.128, de 22 de agosto, publicado no Diário Oficial do Município no dia 6 de outubro.A CNVDC é documento obrigatório para as empresas ou pessoas físicas que queiram participar de licitações públicas. Esta era uma antiga reivindicação do empresariado douradense, que encontrou respaldo junto ao presidente da Câmara Municipal. Cimatti explica que os empresários reclamavam muito da dificuldade que enfrentavam para participar de licitações, pois a CNVDC era expedida pelo Procon Estadual e enviada via Correios e, por isso, “havia certa demora, levando, às vezes, o interessado a perder o prazo”. O Procon local expede a CNVDC em sete dias. O órgão busca em seus arquivos, na Defensoria Pública e na Promotoria de Defesa do Consumidor, se não existem reclamações não resolvidas contra a pessoa física ou jurídica que solicita o documento.A Certidão expedida pelo Procon Dourados vale apenas para as pessoas físicas e jurídicas residentes e/ou atuantes no município e é expedida mediante um depósito de R$ 15,00, na conta do Fundo Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor, o que vem contribuir para que o Procon possa usar essa verba na defesa do consumidor douradense.Cimatti lembrou esta semana que entrou com o projeto na Câmara depois de tomar conhecimento das dificuldades do empresariado local, expostas através de representantes da Acid, Sindicom e CDL. “É uma contribuição nossa ao comércio douradense, pois sabemos da importância da Certidão Negativa, e ela passando a ser expedida em Dourados facilita em muito as atividades deste segmento de nossa economia”, diz o presidente da Câmara.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

TERENOS
Homem é encontrado morto em varanda de residência
MS terá "pacote" de obras de R$ 376 milhões para pavimentação e restauração de estradas
INVESTIMENTO
MS terá "pacote" de obras de R$ 376 milhões para pavimentação e restauração de estradas
DEFINIÇÃO
Inep abre novo prazo para candidatos com Covid pedirem reaplicação do Enem 2020
MINISTRO DA SAÚDE
Pazuello diz que começa a distribuir vacinas às 7h de segunda-feira para todos os estados
CORONAVÍRUS
Distribuição de vacina será acompanhada pelas forças de segurança federais e estadual
MEDIDA
Proibição de corte no fornecimento de água segue até o fim de janeiro na capital
SEU BOLSO
Órgãos de proteção alertam consumidor sobre compra de material escolar
PANDEMIA
Permanece alta taxa de ocupação de leitos UTI Covid-19 em Dourados
DOURADOS
Primeira etapa de pré-matrícula da Reme vai até quinta-feira
MS
Denúncia anônima pelo 181 da PM ajuda no combate de crimes

Mais Lidas

DOURADOS
Morto por descarga elétrica pode ter tentado consertar portão
ACIDENTE
Homem morre após sofrer descarga elétrica em Dourados
DOURADOS 
Jovem cai de moto e pede ajuda após levar facada
DOURADOS
Comitê alerta para crescente da Covid e prefeito expede decreto com novas regras