Menu
Busca segunda, 21 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
CAPITAL

Recém-nascido tratado no Hospital Regional vence a Covid-19

09 agosto 2020 - 10h45Por Portal MS

O Hospital Regional de Mato Grosso do Sul (HRMS), referência no tratamento da Covid-19, recebeu um recém-nascido no último dia 21 de julho regulado do Hospital Universitário, com fortes suspeitas de Covid-19 e que obteve a cura da doença. Segundo relatos da mãe, o bebê teve contato domiciliar com parentes e amigos com sintomas gripais. A criança, em seguida, teve febre alta e obstrução nasal, o que a levou a procurar o hospital. Com isso, foi admitida no HRMS no dia 21 de julho e fez o teste no mesmo dia.

No dia 24 saiu o resultado positivo para a Covid-19. Desde então, a criança, que hoje tem 1 mês e quatro dias de vida, esteve internada no CTI por 14 dias, considerando que deu entrada no dia 23 no CTI Pediátrico com insuficiência respiratória grave. Nesta quarta-feira (05.08), o pediatra Toufic Baruki Neto deu alta do CTI à criança, que já se encontra na enfermaria pediátrica acompanhada pela mãe.

“Ela (a criança) respondeu muito bem ao protocolo médico dado as infecções e inflamações ocasionadas em decorrência da Covid-19, mas nos primeiros dias nos deixou bem preocupados”, relata a médica pediatra e neonatologista do HRMS, Tatiana dos Santos Russi, que ressaltou a vontade da criança de sobreviver e os esforços da equipe multidisciplinar do CTI Pediátrico.

Para a diretora-presidente do Hospital Regional de MS, Rosana Leite de Melo, é um alento em meio à pandemia o renascimento de uma criança que, com menos de um mês de vida, se vê doente por uma patologia traiçoeira e totalmente nova para a medicina. O boletim médico do HRMS, referente ao dia 05, mostra que haviam três crianças com fortes suspeitas de covid-19 e duas internadas com o novo coronavírus, o que reforça o apelo: “Fiquem em casa, protejam seus filhos e sua família”.

A criança vai seguir todo o protocolo e vai manter o isolamento por mais sete dias. A mãe foi orientada a manter atualizada a carteirinha de vacinação da criança.

A equipe médica multidisciplinar do CTI Pediátrico é composta pelos médicos: Dr Toufic Baruki Neto, Dra Priscilla Costa, Dra Tatiana Russi, Dra Silvia Yonamine, Dr Rômulo Kuroda, Dr Alecsander de Alexandre, Dra Ana Carolina Cordera, Dra. Paola Mari. Fisioterapeutas: Elisângela Xavier, Joice Siqueira Borges, Denise Perez, Gabriela Amaral. Enfermeiras: Rosineia Jesus Araújo, Ana Carolina Rodrigues Leite, Mirian Placencio, Kassia Cristina Soares. Técnicas de enfermagem: Leidiane Grasielle, Regiane Vilalba, Rosangela Escobar, Lucineia dos Reis, Francislaine de Oliveira, Francis Laranjeira, Vanusa Ferreira, Gisele Urias, Gleyce Message, Mikelle Barbosa, Lucimeire de Oliveira. Residentes de Medicina Intensiva Pediatrica: Kristyn Back de Arruda e Laiza Rodrigues.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

MATO GROSSO DO SUL
Com apoio do governo federal, MS tenta controlar focos de calor no Pantanal
NOVA ANDRADINA
Condutor com mais de 180 kg de maconha tenta fugir mas é capturado pela PRF
ECONOMIA
Estudo da FGV aponta que pandemia provocou queda de renda de 20,1%
REGIÃO
Carro com placas de São Paulo é flagrado com mais de 300 quilos de maconha em MS
COVID-19
Saúde atualiza números da pandemia do coronavírus e Brasil tem 363 novos óbitos
TRÁFICO DE DROGAS
PRF apreende 200 kg de maconha dividida em fardos em Bataguassu
POLÍTICA
Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro decide que Cristiane Brasil continuará presa
ÁGUA CLARA
Após perseguição, traficante abandona acompanhante e carro com 64 kg de maconha
R$ 381 MIL
Idosa leva multa por incêndio em área de 95 hectares de vegetação nativa
BRASIL
Marco Aurélio, do STF, recebe alta após passar por cirurgia no joelho

Mais Lidas

RIO BRILHANTE
Homem de 56 anos cai de trator e morre atropelado em fazenda
ESTADO
Confraternização em fazenda termina com tragédia após briga familiar
TRAGÉDIA
Bombeiro em Dourados morre durante acidente em Santa Catarina
DOURADOS
Amigos e familiares de entregador morto em acidente pedem que justiça seja feita