Menu
Busca sexta, 26 de novembro de 2021
Dourados
32°max
21°min
Campo Grande
31°max
21°min
Três Lagoas
32°max
23°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

Ratificação de terras da fronteira deve ser feita até quarta-feira

29 dezembro 2003 - 08h26

O presidente do Sindicato Rural de Dourados, Gino José Ferreira lembra que o decreto nº 10.787, de 25 de novembro deste ano, assinado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, obriga os proprietários rurais da faixa de fronteira de até 150 quilômetros a fazerem a ratificação dos seus títulos junto ao Incra até a próxima quarta-feira, dia 31 de dezembro. Esse prazo vinha sendo prorrogado desde 1999, sendo que o decreto 10.363/01, permitiu a regularização até dezembro de 2002. “De lá para cá não houve outro decreto do governo federal tratando da matéria. Para surpresa de muitos proprietários rurais somente no dia 25 do mês passado é que saiu o 10.787 dando praticamente 30 dias para as providências”, comentou o advogado Áureo Garcia Ribeiro Filho, do Sindicato Rural de Dourados.O proprietário que não fizer a ratificação corre o risco de perder suas terras, que passariam à condição de devolutas, podendo ser usada, posteriormente, como área para reforma agrária, formação de reserva florestal ou reserva natural.  A ratificação das propriedades deve ser feita o mais breve possível, porque existe uma grande burocracia nos cartórios de registro de imóveis para ser levantada a cadeia dominial das fazendas e também junto ao Incra. “O proprietário deve pelo menos entrar com o protocolo no Incra até o final do mês, para garantir o processo de ratificação, já que a obtenção dos documentos é bastante demorada”, sugeriu Garcia Filho.Existe um tamanho mínimo da área para a adoção deste procedimento e a faixa de fronteira abrange as regiões limítrofes com o Paraguai e Bolívia A ratificação das fazendas na faixa de fronteira depende das características fundiárias de cada município. O módulo fiscal de Dourados, por exemplo, é de 30 hectares. Isso significa que proprietários com área de até 450 hectares não precisarão procurar o Incra. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

AQUIDAUANA
Homem morre afogado após pular em rio para fugir de fiscalização
NÚMEROS DA PANDEMIA
Com 303 óbitos em 24h, média móvel de mortes volta à estabilidade
Venezuelano é preso com R$ 4,1 milhões em cocaína dentro de mala
TERENOS
Venezuelano é preso com R$ 4,1 milhões em cocaína dentro de mala
TJ/MS
Provas escrita e prática do V Concurso Extrajudicial será em fevereiro
Polícia localiza e recupera caminhonetes e motocicleta roubadas
CORUMBÁ
Polícia localiza e recupera caminhonetes e motocicleta roubadas
IMUNIZANTE
Fiocruz entrega 2,8 milhões de doses da vacina contra covid-19
CORUMBÁ
Veículo locado em São Paulo é encontrado abandonado no MS
ECONOMIA
PIX para saque e troco começa na segunda; veja como vai funcionar
REGIÃO
Suspeito de romper cadeado e furtar estabelecimento comercial é preso
CAMPO GRANDE
Policial entra em motel, agride esposa a coronhadas e atira contra amante dela

Mais Lidas

ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Jovem é preso após manter relacionamento com menina de 11 anos em Dourados
DOURADOS
Menina diz que mantinha relações sexuais com acusado de estupro desde os 10 anos
CANIS E URANO
PF deflagra operações com alvos em comum e cumpre mandados em Dourados
DOURADOS
TJ revoga ordem para policial pagar pensão à família de homem que matou no cinema