Menu
Busca sexta, 05 de março de 2021
(67) 99257-3397

PT e PMDB tentam fechar aliança em Antônio João

29 março 2004 - 17h54

Dirigentes do Partido dos Trabalhadores e do PMDB estão trabalhando firme no sentido de fechar uma aliança entre os dois partidos em Antônio João, união que pode ser decisiva na sucessão municipal. Com respaldo do diretório municipal, o pré-candidato a prefeito do PT, vereador Selso Luís Lozano Rodrigues abriu diálogo conciliatório com o prefeito Dácio Queiroz Silva, do PMDB.Lozano percebe o bom momento político que seu partido está atravessando e vislumbra grande possibilidade de ser o próximo prefeito do município, por conta do trabalho que realiza na Câmara Municipal e pelo fato de ser o pré-candidato que aparenta menor rejeição junto ao eleitorado. Entretanto, Lozano sabe que precisa de um bom vice e do apoio do PMDB para vencer as eleições.A possibilidade de aliança com o PT só começou a ser levada em consideração pelo PMDB há poucos meses. O partido tem intenção de lançar seu próprio candidato a prefeito. Lançou três nomes (Edgar Martins Peixoto, Paulo Rodrigues dos Santos e a vereadora Lúcia Regina da Cruz Butkevícius Nantes), mas também esbarra na necessidade de ter um bom vice para ter vantagem na eleição.O nome mais forte até agora é o da vereadora Lúcia Regina, considerada boa candidata a prefeito e, como Selso Lozano, um ótimo nome para vice. Contudo, abandonar uma reeleição quase certa para entrar numa disputa mais séria e arriscada pelo Executivo parece não seduzir muito a parlamentar. Ela se esquiva de qualquer comentário sobre sua possível decisão.O adversário dos dois partidos é o mesmo: Junei Marques, do PDT, que diz ter o apoio do PL e do PTB, partidos que a nível de Estado são aliados do PT. Junei Marques trabalha para convencer Selso Lozano a desistir de sua candidatura a prefeito para ser vice no projeto do PDT, condição refutada pelos dirigentes petistas e considerada “fora de cogitação” por Lozano.O único empecilho até agora nas discussões entre os três projetos (PT, PMDB e PDT) é o fato de nenhum deles estar disposto a abrir mão da cabeça de chapa. Todos concordam que o fiel da balança nas discussões é o prefeito Dácio Queiroz, que cumpre seu último mandato e tem forte liderança popular. Sabem que terá maior chance o candidato que receber apoio do prefeito peemedebista.Dácio Queiroz tem na manga dois importantes trunfos para as articulações fora de seu partido: a vice-prefeita Iones de Oliveira Santos, do PFL, fiel companheira política desde o primeiro mandato e seu filho, o vereador Reinaldo dos Santos, do PSDB. São nomes assediados pelo três pretendentes ao Paço Municipal. Iones Oliveira já deixou claro que só será candidata “se o Dácio pedir”. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

MS
STF nega ação de governos estaduais sobre piso nacional do magistério da educação básica
Suspeito de planejar morte de policial é preso com auxilio de drone
LADÁRIO
Suspeito de planejar morte de policial é preso com auxilio de drone
Decisão do STJ será avaliada pela polícia antes de ser colocada em prática
MATO GROSSO DO SUL
Decisão do STJ será avaliada pela polícia antes de ser colocada em prática
Inmet estende até sábado alerta de chuvas intensas em Dourados
CLIMA
Inmet estende até sábado alerta de chuvas intensas em Dourados
Prefeitura busca alternativas para recolhimento do lixo eletrônico em Dourados
MEIO AMBIENTE
Prefeitura busca alternativas para recolhimento do lixo eletrônico em Dourados
PANDEMIA 
MS ultrapassa 3,4 mil óbitos por coronavírus e tem mais de 700 internados
FRONTEIRA
Corpo de bebê é encontrado em matagal e enrolado em cobertor
MS
Estado regulamenta guarda externa dos presídios, custódia hospitalar e escolta
ECONOMIA
Frentistas de MS terão aumento de 5,5% este mês
DOURADOS
MPE terá apoio de antropólogos da UFGD em casos com crianças indígenas

Mais Lidas

DOURADOS 
Vídeo mostra momento da colisão entre veículos em Dourados
PONTA PORÃ
Casal é assassinado na fronteira e corpos são deixados um ao lado do outro
NOVA DOURADOS
Colisão entre veículos deixa pessoa gravemente ferida em Dourados
PANDEMIA 
Secretário alerta para nova variante do coronavírus na região da Grande Dourados