Menu
Busca segunda, 02 de agosto de 2021
(67) 99257-3397

Promotor público pede prisão de funcionários da Juventus de Turim

25 outubro 2004 - 16h08

O promotor público Raffaele Guariniello fez um pedido de prisão, nesta segunda-feira, para dois dirigentes da Juventus, da Itália, que estariam envolvidos em casos de doping na equipe italiana entre os anos de 1994 e 1998.O médico chefe do clube, Riccardo Agricola, e o diretor executivo, Antonio Giraudo, estão sendo acusados de facilitar e ministrar substâncias dopantes aos atletas da equipe de Turim.O promotor público pediu à Justiça um período de três anos e dois meses de prisão para o médico e de dois anos e um mês para o dirigente."São apenas hipóteses. A acusação é séria, mas vamos provar que se tratam apenas de hipóteses", comentou o advogado do clube italiano Luigi Chiappero, sobre o processo que foi aberto pela promotoria no ano de 2002.O caso foi aberto após entrevista do então técnico da Roma, Zdenek Zeman, em 1998, que denunciou a impressionante massa muscular de alguns jogadores da Juventus.Especial

Deixe seu Comentário

Leia Também

POTÁVEL
Bolsonaro lança programa que levará água a escolas do Nordeste
Cinco são presos com produtos químicos que seriam levados para Bolívia
Cinco são presos com produtos químicos que seriam levados para Bolívia
UEMS
Últimos dias de inscrição para Especialização em Direito Difusos e Coletivos
PARANAÍBA
Dono de ferro velho é preso por receptação com 80 metros de trilhos
Câmara de Dourados aprova 22 projetos de lei em sessão ordinária 
POLÍTICA
Câmara de Dourados aprova 22 projetos de lei em sessão ordinária 
BONITO
Polícia prende traficante e batedor com 380 quilos de maconha e skunk
TJ/MS
Provas do concurso para cartórios extrajudiciais serão realizadas no dia 22
Criança com crises convulsivas no Pantanal é socorrida por avião
NÚMEROS DA PANDEMIA
Média móvel de mortes por Covid no Brasil fica abaixo de mil pelo 3º dia
GUIA LOPES
Empresário de 32 anos é encontrado morto na frente da residência

Mais Lidas

SP
Homem leva menina de 15 anos ao hospital e diz que ela morreu após sexo; polícia investiga
POLÍCIA
Jovem é agredida durante assalto em Dourados
PANDEMIA
Homem e mulher são mais recentes vítimas da Covid-19 em Dourados
PANDEMIA
Jovem de 21 anos e sem comorbidades é vítima do coronavírus em MS