Menu
Busca terça, 26 de maio de 2020
(67) 99659-5905

Projeto quer agendamento de consulta dentro de 15 dias

23 fevereiro 2010 - 13h23

O deputado estadual Pedro Kemp (PT) apresentou hoje projeto de lei que dispõe sobre o tempo máximo de espera para atendimento nas unidades públicas de saúde de Mato Grosso do Sul.

A proposta determina que o prazo máximo para o agendamento de exames médicos é de 15 dias. Para consulta, são 30 dias e 60 para cirurgias eletivas.

Quando o usuário for criança com menos de 10 anos de idade ou portador de doença grave, os prazos ficam reduzidos em um terço.

O não cumprimento destas medidas resultará na abertura de processo administrativo para apuração da responsabilidade.

Apesar de a proposta representar um dos pedidos mais freqüentes da população, não deve encontrar consenso para sua aprovação, já que a base aliada ao governo – que não demonstra interesse na aprovação do projeto – conta com o apoio de 21 parlamentares.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESTRELA DO SUL
Adolescente planta maconha no quintal da avó e acaba apreendido
SENTENÇA
Justiça determina que morador cumpra regras de construção de condomínio
COVID-19
Senado aprova requisição obrigatória de leitos privados pelo SUS
AGRESSÕES
Após ordem judicial, “Pedreiro Assassino” é transferido para Instituto Penal
AVANÇO DA PANDEMIA
Brasil registra 1.039 mortes por Covid-19 em 24 horas e total chega a 24,512
JUSTIÇA
Consumidor será indenizado por protesto de débito já quitado
SAÚDE
Sul-Mato-Grossense Aracy Balabanian é internada com insuficiência respiratória
CAPITAL
Foragido morre em hospital após ser esfaqueado na rua, mãe reconhece
ECONOMIA
Petrobras aumenta diesel em 7% e gasolina em 5% nas refinarias
DOURADOS
Motociclista fica ferido em acidente no Jardim Rasselen

Mais Lidas

DOURADOS
Prefeitura estende toque de recolher em 2h em Dourados
PANDEMIA
Dourados tem mais de 150 casos de Covid-19 e secretário diz ser assustadora a crescente na região
PANDEMIA
Dois meses após decreto de emergência, Dourados confirmou 127 casos de Covid-19
PANDEMIA
Número de pacientes internados por coronavírus em Dourados sobe 50% em 24h