Menu
Busca terça, 20 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Projeto muda regras para execução trabalhista

04 julho 2005 - 13h27

A Câmara analisa o Projeto de Lei 5328/05, do deputado Geraldo Resende (PPS-MS), segundo o qual o sócio da empresa poderá ter seus bens pessoais usados para pagar execução trabalhista somente no caso de comprovada participação em fraudes no contrato ou no estatuto de trabalho.Atualmente, de acordo com a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), caso a empresa não disponha de bens suficientes para pagar a execução trabalhista, o patrimônio do sócio pode ser penhorado para cobrir os valores da decisão judicial. Para o autor da proposta, essa obrigação só deveria existir após verificada a culpa dos sócios na má administração da empresa. A execução é a última fase do processo trabalhista, quando a empresa é obrigada a pagar todas as dívidas com o ex-empregado que moveu a ação.O projeto de Geraldo Resende tramita em conjunto com o PL 5140/05, do deputado Marcelo Barbieri (PMDB-SP). Sujeitos a análise em caráter conclusivo, os dois estão sendo analisados na Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio, e posteriormente pelas comissões de Trabalho, Administração e Serviço Público; e Constituição e Justiça e de Cidadania

Deixe seu Comentário

Leia Também

CÂMARA
Deputados aprovam urgência de projeto para privatizar os Correios
Transportando 26 cavalos ilegalmente, idoso é preso com dólares e reais
Transportando 26 cavalos ilegalmente, idoso é preso com dólares e reais
Presidente da Assomasul destaca emenda que cria o ICMS Educacional 
REGIÃO
Presidente da Assomasul destaca emenda que cria o ICMS Educacional 
Polícia apreende 80 quilos de maconha na região do jardim Água Boa 
DOURADOS
Polícia apreende 80 quilos de maconha na região do jardim Água Boa 
FERIADO
Judiciário de MS não terá expediente nesta quarta, dia 21 de abril
REI DA FRONTEIRA
Juiz resolve manter Fahd Jamil preso no Garras e pede perícia médica
PANDEMIA SEM CONTROLE
Brasil registra mais 3.481 mortes por Covid em 24 horas e passa de 378 mil
POLÍCIA
Defron prende três e apreende mais de 60 quilos de maconha 
EDUCAÇÃO
Inscrições abertas para a I Semana de Internacionalização UEMS
DOIS IRMÃOS DO BURITI
Suspeito de matar irmão com tiro de espingarda se apresenta à polícia

Mais Lidas

ASSALTO
Mulher tem carro roubado ao parar no semáforo em Dourados
POLÍCIA
Irmãos morrem após serem atropelados por caminhonete em rodovia
LOTERIAS
Mega-Sena premia uma aposta com R$ 40 milhões e 11 douradenses acertam a Quadra
DOURADOS/ITAPORÃ
Produtor rural morto em acidente na MS-156 voltava de aniversário em pesqueiro