Menu
Busca terça, 20 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Programa de TV coloca jovem em caixa com 30 mil baratas

12 janeiro 2004 - 16h45

Um reality-show alemão rodado na selva australiana desatou uma grande polêmica no domingo, ao divulgar na rede de televisão privada RTL imagens mostrando um candidato preso num caixão de vidro com 30 mil baratas.A "vítima", Daniel Kueblboeck, um jovem cantor alemão, aceitou suportar a tortura de sentir cerca de 30.000 baratas se infiltrando em suas roupas e caminhando nas suas orelhas, olhos, e lábios desesperadamente mantidos fechados.Daniel despareceu sob a massa rastejante, tentando a todo custo não abrir a boca. Depois de exatamente um minuto e seis segundos, o candidato não aguentou mais o suplício. "Foi um pesadelo", reconheceu o jovem de 18 anos.Cerca de 6,28 milhões de pessoas assistiram a esta cena do terceiro episódio do programa diário intitulado: Sou uma Estrela - Me Socorram!. A idéia do reality-show é selecionar dez concorrentes que devem passar doze dias na selva. A cada dia, um deles é designado pelo público para sofrer uma prova que se aparenta a um ato de tortura.Nesta segunda-feira, o jornal popular Bild destacou em sua manchete a cena horrível, contando com vários detalhes como o jovem candidato Daniel chorou ao saber que os telespectadores o haviam escolhido pela segunda vez em três dias."Podemos pensar que isso é cínico e humilhante", considerou o jornal conservador Die Welt. "O ocorrido mostra que para alcançar a fama, paga-se qualquer preço", resumiu o jornal."Fiquei chocado quando vi o jovem ser escolhido pela segunda vez, quando a televisão o mostrou chorando", escreveu um jornalista do Sueddeutsche Zeitung.O programa juntou na noite de domingo 39,5% dos telespectadores de 14 a 49 anos, segundo o porta-voz de RTL, Christoph Koerfer.Nesta segunda-feira, Daniel foi novamente designado para uma sessão de tortura. Desta vez, ele devia enfrentar um aquário gigante cheio de aranhas e enguias. O jovem cantor desistiu do jogo.Outro candidato, Dustin Semmelrogge, 23 anos, já foi eliminado depois de ter recusado uma prova, enquanto outra, Susan Stahnke, 36 anos, sofreu problemas cardíacos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Saúde ativa 4 UTI's Covid no HV e transfere leitos clínicos para outros hospitais
DOURADOS
Saúde ativa 4 UTI's Covid no HV e transfere leitos clínicos para outros hospitais
Alan Guedes nomeia novo diretor da Coordenadoria Especial de Assuntos Indígenas
DOURADOS
Alan Guedes nomeia novo diretor da Coordenadoria Especial de Assuntos Indígenas
LEGISLATIVO DE MS
Nome da sede do DOF homenageando Coronel Adib segue à sanção
FUTEBOL
Chefe da Fifa sobre Superliga: "Ou vocês estão dentro ou estão fora"
Casal é preso transportando mais de 700 quilos de drogas em carro com criança
REGIÃO
Casal é preso transportando mais de 700 quilos de drogas em carro com criança
PANDEMIA
Idades das vítimas mais recentes da Covid-19 em MS variam entre 20 e 88 anos
PONTA PORÃ
Polícia apreende veículo carregado com maconha em estacionamento de hotel
DOURADOS
Ex-diretor médico nega responsabilidade por suposta escala sem plantonista na UPA
BR-163
Veículo abandonado com mais de uma tonelada de maconha é apreendido
DOURADOS
Guarda localiza tabletes de maconha abandonados por ciclistas

Mais Lidas

ASSALTO
Mulher tem carro roubado ao parar no semáforo em Dourados
POLÍCIA
Irmãos morrem após serem atropelados por caminhonete em rodovia
LOTERIAS
Mega-Sena premia uma aposta com R$ 40 milhões e 11 douradenses acertam a Quadra
DOURADOS/ITAPORÃ
Produtor rural morto em acidente na MS-156 voltava de aniversário em pesqueiro