Menu
Busca terça, 20 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Procurador, antropólogo e PF tentam convencer índios

01 julho 2005 - 18h10

O Procurador da República Charles Estevam Motta Pessoa, o Antropólogo Cláudio Homero, o comandante da Policia Militar Coronel Nabuco e policiais Federais estão neste momento na MS 156, que liga Dourados a Itaporã, na tentativa de convencer os indígenas a liberar a pista, bloqueada desde às 3 horas da madrugada de hoje. Segundo informações apuradas pelo Dourados, tanto fazendeiros quanto indígenas ouvem nesse momento o procurador. As expectativas das autoridades, é que os indígenas liberem a pista para que o trafego de veículos volte a normalidade.(Juliana Oliveira, com informações de Eduardo Palomita) 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Com feriado no meio da semana, veja o que abre e fecha em Dourados
FERIADO
Com feriado no meio da semana, veja o que abre e fecha em Dourados
Mais quatro douradenses morrem vítima do Covid-19 e outras 113 pessoas testam positivo
PANDEMIA
Mais quatro douradenses morrem vítima do Covid-19 e outras 113 pessoas testam positivo
Sancionada lei que dá o título de Capital Nacional da Celulose a Três Lagoas
LEI
Sancionada lei que dá o título de Capital Nacional da Celulose a Três Lagoas
Cumprindo mandado em MS e outro estado, PF deflagra Operação Escambo
FRAUDE NA PREVIDÊNCIA
Cumprindo mandado em MS e outro estado, PF deflagra Operação Escambo
BRASIL
Anvisa autoriza uso emergencial de coquetel contra a covid-19
MS
Rio Negro solicita prorrogação do reconhecimento de calamidade pública
BRASIL
Operação Acolhida contabiliza 50 mil refugiados venezuelanos
FUTEBOL
Quatro brasileiros estreiam hoje pela fase de grupos da Libertadores
TIRADENTES
Detran não terá expediente nesta quarta-feira de feriado
CLIMA
Dourados pode ter mínima abaixo de 10 graus na próxima semana, indica previsão 

Mais Lidas

ASSALTO
Mulher tem carro roubado ao parar no semáforo em Dourados
POLÍCIA
Irmãos morrem após serem atropelados por caminhonete em rodovia
LOTERIAS
Mega-Sena premia uma aposta com R$ 40 milhões e 11 douradenses acertam a Quadra
DOURADOS/ITAPORÃ
Produtor rural morto em acidente na MS-156 voltava de aniversário em pesqueiro