Menu
Busca quarta, 27 de outubro de 2021
(67) 99257-3397

PRF prende trio que furtou apartamentos em Cuiabá

08 abril 2008 - 17h59

A Polícia Rodoviária Federal apreendeu na madrugada de ontem cerca de 120 mil reais em dinheiro (entre reais, dólares e euros) e 70 peças de jóias (anéis, pulseiras, pingentes, brincos e relógios).

A mercadoria estava escondida entre as roupas, dentro das malas de um trio que vinha de Cuiabá pela BR163, e seguia para São Paulo/SP e foi descoberta após uma abordagem do veículo Citren/C3 de placas DWQ4580 – São Paulo/SP, em Jaraguari (40 km da capital – Campo Grande/MS).

No veículo havia um trio, sendo o condutor Francismarcio Monteiro da Silva, 29 anos, camelô, e acompanhado por Fátima de Cássia Santana, 36 anos, vendedora, e Monaliza Dias de Oliveira, 33 anos, vendedora.

O trio se apresentou nervoso, sendo que checagem ao sistema INFOSEG, verificou-se que o condutor tinha passagem pelo artigo 171 e as mulheres por 155, sendo que em revista minuciosa ao veículo, foram encontrados o dinheiro e as jóias dentro das malas entre as roupas do trio.

Veículo, trio, dinheiro e jóias encaminhados para a DERF em Campo Grande/MS.

Modus operandi: o trio atuava furtando apartamentos em edifícios, e estratégia para a prática era de utilizar um veículo novo e de boa aparência (no caso o Citroen/C3) e efetuar a parada em frente a entrada de veículos no prédio. Se o vigilante do prédio simplesmente abrisse os portões, eles entravam até a garagem, e, se não abrisse ou perguntasse algo a eles, eles diziam que era engano e se dirigiam até outro prédio.

Se conseguissem entrar no estacionamento do prédio, subiam de andar em andar pelo elevador e tocavam a campanhia. Se alguém atendesse, diziam que era engano ou inventavam uma história para disfarçar, mas se ninguém atendesse, utilizavam de "chaves michas" para entrar e praticar os furtos.

São Paulo está mais difícil: Segundo declarações do trio, em São Paulo esta cada vez mais difícil praticar furtos utilizando esta estratégia, então decidiram passar a praticar em capitais e grandes cidades em outros Estados, onde, entendiam ter mais facilidade já que os funcionários de prédios são mais desatentos nessas localidades.

Alerta: que esta ocorrência sirva de alerta aos condôminos de edifícios para que melhorem a segurança orgânica para que não sejam vítimas de ladrões que utilizam desta modalidade de crime.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Jovem é amarrada, espancada e tem roupas rasgadas por ex
PRESO NO RIO
Ministro do STF nega transferência de Roberto Jefferson para hospital
TRÁFICO
Demitida por ir ao médico, mulher é presa com maconha em Aeroporto
UEMS
Auxílio Mobilidade Internacional abre inscrições para seleção de propostas
JUSTIÇA
Tenente filmado agredindo mulher é condenado a 1 ano e 5 meses
IMUNIZANTE
Fiocruz entrega 4,5 milhões de doses de vacina contra a covid-19
Menina diz ter sido estuprada por veterinário em festa de casamento
VIAGENS
Consulados dos Estados Unidos voltam a emitir visto para brasileiros
CORUMBÁ
Motorista que morreu em acidente viajava a trabalho de empresa alimentícia
POLÍTICA
Câmara de Dourados aprova mais 10 projetos de lei em Sessão Ordinária 

Mais Lidas

CLIMA
Vendaval atinge Dourados e deixa rastro de destruição
DOURADOS
Namorada posta 'status' de jovem com arma, polícia rastreia carro e prende rapaz
DOURADOS
Três vias de Dourados passam a ser "mão única"
DOURADOS
Mulher "roleta" Weimar, causa acidente e deixa motociclista ferido gravemente