Menu
Busca quinta, 28 de maio de 2020
(67) 99659-5905

PRF apreende madeira nativa que abasteceria frigorífico

17 janeiro 2010 - 08h12

Ontem pela manhã, na BR 262 em Terenos, agentes da PRF (Polícia Rodoviária Federal) abordaram o caminhão M. Benz L 1313, placa HQG-7233/MS, e na fiscalização encontraram algumas irregularidades.

O condutor G.R.M., de 40 anos, apresentou Nota Fiscal com data de validade de emissão vencida em 11/2008. Além disso, foi constatada no DOF (Documento de Origem Florestal) que no documento constava que carregava lenha e, na realidade, era uma carga de madeira verde do cerrado.

O motorista declarou que retirou a madeira em uma fazenda em Dois Irmãos do Buriti e entregaria em um frigorífico, mas não informou a localização.

A ocorrência foi encaminhada à Polícia Civil de Terenos, pois a PMA não pode comparecer para receber a ocorrência. Agentes da Secretaria de Receita e Controle compareceram para verificar a suposta irregularidade no documento fiscal e aplicaram uma multa no valor de R$ 312.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BATAGUASSU
Homem é preso por furtar GPS de veículo oficial
ECONOMIA
Auxílio emergencial com valor menor pode custar R$ 17 bi por mês
DOURADOS
Audiências de prestação de contas do município acontece nesta sexta-feira
JUSTIÇA E SAÚDE
Revogada portaria com punições a quem descumpria quarentena
EFEITO COVID-19
Consultas para tratamento do câncer diminuem 30% em hospital de Campo Grande
POLÍTICA
População pode participar da revisão do Plano Diretor de Dourados
COVID-19
Planos de saúde incluirão mais 6 exames na lista obrigatória
MATO GROSSO DO SUL
Governo faz testes em massa de coronavírus em regiões com surto de Covid-19
NO PALÁCIO DA ALVORADA
Ação contra fake news é para censurar mídias sociais, diz Bolsonaro
MATO GROSSO DO SUL
Projeto prevê suspensão da restrição do CPF por dívidas relativas ao IPVA

Mais Lidas

DOURADOS
Paciente com suspeita de coronavírus afasta mais de 20 profissionais da saúde no HV e UPA
PANDEMIA
Dourados é "campeã" de casos de coronavírus em MS pelo 3º dia consecutivo
PANDEMIA
Dourados investiga morte com suspeita do novo coronavírus
DOURADOS
Empresários cobram de Délia prova científica para justificar toque de recolher