terça, 21 de maio de 2024
Dourados
27ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

Presos no Rio todos os suspeitos de espancar chinês

07 setembro 2003 - 07h02

Os seis agentes penitenciários que tiveram prisão temporária decretada por suspeita de torturar o comerciante chinês Chan Kim Chang dentro do Presídio Ary Franco, em Água Santa, no Rio de Janeiro, foram presos neste sábado. O secretário de Administração Penitenciária,  coronel Astério Pereira dos Santos, afastou o agente penitenciário Luiz Torres, vice-diretor do presídio, elevando para nove o número de funcionários do Desipe afastados por suspeita de envolvimento na morte de Chang. O comerciante foi encontrado em coma numa cela  do Ary Franco em 27 de agosto, um dia depois de ser preso por tentar sair do país com US$ 30 mil não declarados à Receita Federal. Ele morreu na quinta-feira à noite. O advogado que representa a família de Chang disse que os parentes vão mover uma ação contra a União ou o Estado. O primeiro agente penitenciário preso foi Denis Gonçalves, que estava em casa, em Nova Iguaçu, na manhã de ontem. No início da tarde, a polícia anunciou a prisão de Everson Azevedo da Mota.Momentos depois, chegaram à delegacia, acompanhados do advogado Michel Assef, os agentes Carlos Alberto de Souza Rodrigues, Ricardo Wagner Sarmento Alves e Ricardo Duarte Pires Valério. Antes de entrar, eles falaram com repórteres e mantiveram a versão de que Chang  se feriu sozinho e disseram que ele já chegou ao presídio amarrado e com ferimentos nos pulsos.O sexto agente do grupo que estava de plantão no dia em que o comerciante foi espancado, Raul Broglio Junior, apresentou-se à polícia logo depois. O advogado Michel Assef disse que vai pedir hábeas-corpus para quatro dos seis agentes - Denis Gonçalves também é cliente dele.O delegado Marcelo Fernandes, que investiga o caso, informou que os seis ficarão presos por 30 dias para que as investigações transcorram com mais tranqüilidade. Os agentes foram encaminhados ao Instituto Médico Legal para exame de corpo de delito no fim da tarde. Após o exame, foram levados para a base da Polinter do Grajaú, onde ficarão presos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Sancionada lei que assegura sigilo do nome da vítima em casos de violência doméstica e familiar
BRASIL

Sancionada lei que assegura sigilo do nome da vítima em casos de violência doméstica e familiar

BRASIL

Receita abre consulta a maior lote de restituição do IR da história

Corpo de mulher com sinais de violência é encontrado em área de mata
CAMPO GRANDE 

Corpo de mulher com sinais de violência é encontrado em área de mata

Passeio ciclístico reúne estudantes de projeto realizado em Escola Estadual
DOURADOS

Passeio ciclístico reúne estudantes de projeto realizado em Escola Estadual

Dia Internacional da Biodiversidade será celebrado com evento no Bioparque Pantanal
MEIO AMBIENTE

Dia Internacional da Biodiversidade será celebrado com evento no Bioparque Pantanal

DOURADOS

Projeto de Liandra aprovado por unanimidade contempla diversos profissionais da área da saúde

CAMPO GRANDE

Motociclista morre carbonizado após se envolver em acidente na BR-163

REGIÃO

Foragida por tráfico de drogas qualificado é presa

ARRAIÁ

Festa Junina de Dourados será de 19 a 22 de junho

MOVIMENTAÇÃO

Operadores de turismo faturaram R$ 11,55 bi com viagens realizadas dentro do Brasil, em 2023

Mais Lidas

DOURADOS 

Funcionário e irmão são presos por furto em supermercado

BRASIL

Adolescente mata os pais e a irmã após ficar sem celular

PARQUE DE EXPOSIÇÕES

Caminhonetes são furtadas durante a madrugada em Dourados

TEMPO

Dourados registra a temperatura mais baixa do ano