Menu
Busca quarta, 27 de maio de 2020
(67) 99659-5905

Presidente Lugo deu apoio à prisão de Pavão e Capillo

28 dezembro 2009 - 14h06








Momento da prisão da dupla



O presidente paraguaio Fernando Lugo acompanhou “de perto” a prisão de Jarvis Ximenes, o "Pavão", e do e do paraguaio Carlos Antônio Caballero, o “Capillo”, presos ontem no Paraguai. Ele chegou cedo à sede da Secretaria Nacional Anti-drogas – Senad de onde era informado minuto à minuto sobre a operação, que recebeu o nome de “Capricórnio”.
Lá ele ficou sabendo que depois de preso, Ximenes foi levado de helicóptero da cidade de Yby-Yau para Concepción, capital do Estado de mesmo nome. "Com a sua vinda [de Lugo] para a Senad, ele nos deu o seu apoio, o que nos deixa feliz", disse César Damián Aquino, diretor executivo da Senad.
Outras prioridades para Lugo, seriam as prisões dos brasileiros Luiz Carlos da Rocha, vulgo "Cabeza Branca" e Irineu Soligo, procurados por envolvimento com tráfico de drogas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRÊS LAGOAS
Empresária paulista perde R$ 50 mil ao negociar compra de sucata
ECONOMIA
Governo Federal libera mais R$ 28,7 bilhões para auxílio emergencial
TRÁFICO
PRF apreende 254 quilos de maconha e prende batedores na fronteira
SUPREMO
Celso de Mello envia à PGR requerimento contra Carla Zambelli
PONTA PORÃ
Motorista não explica procedência de R$ 68 mil e acaba na Polícia Federal
ARTISTA
Pagamento da 1ª parcela do edital “MS Cultura Presente” está disponível
POLÍTICA
Governo vai disponibilizar lista de quem recebeu auxílio emergencial
JUSTIÇA
Após 26 dias presa, mulher que matou marido a facadas ganha liberdade
BANDEIRA TARIFÁRIA
Conta de luz não terá cobrança extra até o fim do ano, informa Aneel
BR-262
Veículo furtado na Bahia é recuperado durante barreira sanitária

Mais Lidas

DOURADOS
Prefeitura estende toque de recolher em 2h em Dourados
PANDEMIA
Dourados tem mais de 150 casos de Covid-19 e secretário diz ser assustadora a crescente na região
PANDEMIA
Dois meses após decreto de emergência, Dourados confirmou 127 casos de Covid-19
PANDEMIA
Número de pacientes internados por coronavírus em Dourados sobe 50% em 24h