Menu
Busca segunda, 25 de janeiro de 2021
(67) 99257-3397

Prefeitura consegue reduzir consumo de energia elétrica

24 outubro 2003 - 16h57

A partir de um trabalho de conscientização que vem sendo feito junto aos servidores, a Prefeitura de Dourados está conseguindo reduzir o consumo de energia elétrica nos prédios públicos, incluindo escolas, postos de saúde, centros de educação infanto-juvenil e outras instalações. Hoje (24.10) pela manhã, a exemplo disso, os técnicos da Superintendência do Sistema Elétrico estiveram reunidos com diretores de escolas, na Secretaria de Educação.O superintendente Ênio Ribeiro disse que vem sendo feito um monitoramento do consumo não apenas de energia nas escolas e outros prédios públicos, mas também da água. Durante o mês de janeiro deste ano o gasto reduziu bastante em função das férias, assim como em junho, mas independente disso o setor vem conseguindo avanços e a intenção é se diminuir ainda mais os custos.No caso das escolas, o monitoramento começou de forma mais rígida a partir de junho deste ano. Ênio explicou que os diretores foram orientados a evitar ao máximo o desperdício e a pedir para que os professores e demais funcionários tenham a mesma preocupação. Algumas escolas estão inclusive substituindo as lâmpadas por modelos mais econômicos. As Associações de Pais e Mestres (APMs) também serão convocadas a participar dessa campanha, fiscalizando os estabelecimentos."Durante essas reuniões estamos explicando a nossa política de contenção dos gastos", afirmou o superintendente. De junho para cá já há resultados positivos nesse sentido. Em junho a despesa com a energia elétrica consumida em todos os prédios públicos foi de R$ 130 mil 590. Em agosto, caiu para R$ 107 mil 878 e em setembro para R$ 105 mil 986.Na reunião de hoje, uma das sugestões dadas foi de, a partir de 2004, se premiar as escolas que obtiverem os melhores índices de economia. Além do aspecto da contenção dos custos, esse trabalho também contribuiu para a conscientização e para que os servidores levem essa preocupação para suas próprias casas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DECISÃO
Estudante que ficou três anos sem diploma será indenizada
Estado lança "vacinômetro" nesta semana
PANDEMIA
Estado lança "vacinômetro" nesta semana
CÂMARA DOS DEPUTADOS
Maia defende CPI para investigar possíveis crimes de Pazuello na gestão da pandemia
Carreta com quase dez toneladas de maconha é apreendida em Dourados
BR-163
Carreta com quase dez toneladas de maconha é apreendida em Dourados
Fiocruz esclarece negociação de doses prontas da vacina de Oxford
BRASIL
Fiocruz esclarece negociação de doses prontas da vacina de Oxford
PANDEMIA 
Prorrogação do toque de recolher em MS passa a valer a partir desta segunda
SAÚDE
Brasil tem quase 30 mil novos casos de hanseníase por ano
REGIÃO
Suspeito de tráfico de drogas e corrupção de menores é preso
DOURADOS 
Prefeitura doa terreno para construção de unidade do Lar Ebenezer
CORONAVÍRUS
Governo do Estado pede que população mantenha cuidados para evitar contágio

Mais Lidas

TRAGÉDIA
Vídeo mostra momento exato de acidente com vítima fatal em Dourados
DOURADOS
Motorista envolvido em acidente fatal relata bebida ao depor e é liberado 
TRAGÉDIA
Segundo acidente de trânsito com vítima fatal é registrado em Dourados
DOURADOS
Motociclista que morreu após colisão em cruzamento invadiu via preferencial