Menu
Busca quarta, 27 de maio de 2020
(67) 99659-5905

Prefeitura afasta médicos que brigaram para fazer parto

25 fevereiro 2010 - 07h25

Os dois médicos que brigaram durante o parto de uma paciente no Hospital Municipal em Ivinhema  foram “dispensados” pela prefeitura, conforme a assessoria de imprensa.

Após a briga ontem, o bebê nasceu morto, mas ainda não se sabe se a morte teve relação com a disputa entre os plantonistas.

Eles começaram a discutir e chegaram a brigar fisicamente na frente da gestante durante os preparativos para a cesariana. O parto foi interrompido e Gislaine teve de ser encaminhada a uma outra sala, onde o parto foi feito, por um terceiro médico.

Os dois médicos, identificados apenas como Ozorino e Sinomar, discutiram por causa da escala de plantão.

De acordo com a prefeitura, a apuração está sendo feita pela auditoria médica municipal do SUS (Sistema Único de Saúde), com apoio da Coordenadoria Estadual de Controle, Avaliação e Auditoria. A polícia civil também investiga o caso.

A prefeitura encaminhou ofício ao CRM (Conselho Regional de Medicina) relatando o fato, com uma cópia do Boletim de Ocorrência registrado na polícia e solicitação para tomada de providências.

Ainda de acordo com a assessoria de imprensa, a administração municipal disponibilizou uma psicóloga para acompanhamento permanente da Gislaine de Matos Rodrigues Santana, a mãe do bebê.

Gislaine e o marido Gilberto de Melo Cabreira acusam os médicos de serem os culpados pela morte do filho. Eles contam que a briga deixou Gislaine nervosa.


Deixe seu Comentário

Leia Também

TRÊS LAGOAS
Empresária paulista perde R$ 50 mil ao negociar compra de sucata
ECONOMIA
Governo Federal libera mais R$ 28,7 bilhões para auxílio emergencial
TRÁFICO
PRF apreende 254 quilos de maconha e prende batedores na fronteira
SUPREMO
Celso de Mello envia à PGR requerimento contra Carla Zambelli
PONTA PORÃ
Motorista não explica procedência de R$ 68 mil e acaba na Polícia Federal
ARTISTA
Pagamento da 1ª parcela do edital “MS Cultura Presente” está disponível
POLÍTICA
Governo vai disponibilizar lista de quem recebeu auxílio emergencial
JUSTIÇA
Após 26 dias presa, mulher que matou marido a facadas ganha liberdade
BANDEIRA TARIFÁRIA
Conta de luz não terá cobrança extra até o fim do ano, informa Aneel
BR-262
Veículo furtado na Bahia é recuperado durante barreira sanitária

Mais Lidas

DOURADOS
Prefeitura estende toque de recolher em 2h em Dourados
PANDEMIA
Dourados tem mais de 150 casos de Covid-19 e secretário diz ser assustadora a crescente na região
PANDEMIA
Dourados investiga morte com suspeita do novo coronavírus
DOURADOS
Empresários cobram de Délia prova científica para justificar toque de recolher